Após Globo romper contrato, Fórmula 1 negocia com concorrentes para 2021

Fórmula 1
Após quebra de contrato com a Globo, Fórmula 1 negocia com concorrentes para transmitir corridas em 2021 (Imagem: Reprodução / Globoesporte.com)

Com a desistência da Globo em renovar o contrato, a Liberty Media, dona dos direitos de transmissão da Fórmula 1, está em busca de uma nova casa para a competição de automobilismo na TV.

De acordo com o UOL Esporte, todas as principais emissoras da TV aberta foram consultadas. A empresa também avalia a possibilidade de lançar um serviço de streaming oficial, batizado de F1 TV, a partir do ano que vem.

O SBT e a Disney se mostraram interessados em abrigar a competição. As negociações, no entanto, ainda acontecem a passos lentos. Os direitos foram oferecidos também a Record, Band, RedeTV! e até a TV Cultura. Na TV por assinatura, houve ainda sondagem com a Turner.

Mas não há pressa. Devido a demora em iniciar a próxima temporada de Fórmula 1, a Liberty Media tem tempo de sobra para negociar com as empresas. 

Transmitida pela Globo por 39 anos ininterruptos, a estimativa é que a audiência brasileira responda por uma fatia de 20% do público global da Fórmula 1. 

É interessante notar que o fato da F1 ser altamente segmentada entre as classes altas, onde está a maior fatia da audiência do esporte, garante à competição o apoio de marcas de peso que pretendem continuar investindo na competição independente de onde as corridas forem veiculadas. 

CONTINUE LENDO →

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com