Após pitis, chiliques e ataques, Thiago Gagliasso segue Bolsonaro e vira “moderado”

Thiago Gagliasso
Thiago Gagliasso segue nova postura do presidente Jair Bolsonaro (Imagem: Reprodução / YouTube)

Thiago Gagliasso surpreendeu. Fiel ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o ator seguiu a nova cartilha do “capitão” e saiu da linha extremista para a moderada. A decisão veio depois que o Chefe do Executivo fez uma carta pedindo desculpas pelos discursos golpistas do Sete de Setembro.

“Compartilho esse texto do meu amigo Tenente Coimbra. Como falo, sempre aprendo contigo. Queria saber a opinião de vocês! Responda com um número ou emoji. 1 – Estou com o Presidente. 2 – Sigo firme com ele, mas não gostei da carta. 3 – Desisti abandonei o barco. 4 – vou começar a olhar a 3ª via. 5 – Lula livre”, escreveu na legenda do post.

Thiago Gagliasso se referiu ao texto que o Tenente Coimbra fez sobre a ação de Bolsonaro. A mensagem divulgada pegou os mais fanáticos do capitão de surpresa.

“Política é mais do que manifestação pública. Política é um jogo de xadrez. Um passo para trás de vez em quando, pode significar um salto para frente. Isso não diminui e não muda o nosso enfrentamento aos atos antidemocráticos e anticonstitucionais de alguns ministros do Supremo (prisões ilegais, solturas de líderes de facções criminosas, soltura de políticos corruptos e até proibição da polícia trabalhar)”, atacou.

“Não podemos esmorecer agora, principalmente com a batalha cada vez mais próxima e com o inimigo aproveitando cada vírgula para nos desidratar. Mudanças estratégicas ou até mesmo no tom de fala podem ocorrer pelo bem comum, mas os valores e o propósito continuam os mesmos inabaláveis e cada vez mais sólidos”, finalizou.

Não era assim

Dias antes, Thiago Gagliasso detonou a GloboNews e comparou dois momentos do trabalho do canal de notícias da Globo na cobertura das manifestações da última terça-feira (7).

Na primeira imagem, o famoso mostrou a TV sintonizada na GloboNews durante os protestos antidemocráticos em Brasília. No GC do canal, a informação: “Manifestações com pautas antidemocráticas em Brasília”.

Na segunda imagem, a cobertura sobre a manifestação contra o governo: “Protesto em São Paulo em defesa da democracia”. Curiosamente, assim como no ato pró-governo, cercado por pedidos de intervenção militar, a oposição saiu em defesa “da revolução e ditadura proletárias”.

“Nada na história vai superar essa! Na boa, é rir para não chorar!”, alfinetou Thiago Gagliasso na legenda da publicação.

Confira:

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›