Após ser acusado de pedofilia, PC Siqueira diz que vive de doações

PC Siqueira
PC Siqueira desabafa sobre situação financeira (Imagem: Reprodução / Instagram)

Acusado de pedofilia em junho deste ano, PC Siqueira revelou em sua rede social que está sobrevivendo nos últimos meses por causa de doações dos seus fãs. No Instagram, ele pediu ajuda para conseguir pagar as contas e poder comer.

“Para quem quiser contribuir na causa da minha existência. Estou pagando minhas refeições e contas exclusivamente com doação de quem gosta do meu trabalho”, afirmou o youtuber em sua rede social.

Longe do próprio canal no YouTube desde a revelação do escândalo, PC Siqueira retomou o trabalho em novembro, no mesmo mês em que a assessoria de Segurança Pública de São Paulo confirmou que o famoso continua investigado.

“O caso segue em investigação pela 4ª Delegacia de Repressão à Pedofilia, da Divisão de Proteção à Pessoa do DHPP. Detalhes não podem ser passados porque o IP está em segredo de Justiça”, explicou em nota.

Em junho, o perfil Exposed Emo, do Twitter, liberou no dia 10 do mesmo mês uma gravação de tela de uma conversa envolvendo Siqueira. Nos prints apresentados, o youtuber de 34 anos teria falado sobre uma amiga que supostamente enviava a ele fotos de sua filha de 6 anos de idade.

Paulo CarvalhoPaulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.
Veja mais ›