Após viver Jesus gay, Gregorio Duvivier toma atitude e revolta Eduardo Bolsonaro

Eduardo Bolsonaro
Eduardo Bolsonaro fica revoltado com atitude de Gregório Duvivier (Imagem: Reprodução / Globo)

Gregorio Duvivier e Fábio Porchat entraram na mira da direita-extremista, revoltada com o especial de Natal do Porta dos Fundos disponível no catálogo da Netflix. Atento ao trabalho dos atores, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) detonou uma nova atitude do colunista da Folha de S. Paulo.

No Twitter, o filho do presidente Jair Bolsonaro compartilhou a coluna de Gregorio na edição do jornal da última quarta-feira (11). “Não satisfeito em interpretar Jesus Cristo como gay e se recusando a falar de Deus na Netflix, agora Gregório Duvivier foi além”, escreveu o parlamentar.

Após a leitura do texto, o filho do capitão ficou possesso com a postura do ator, que novamente retratou Jesus como gay e “defensor de Karl Marx e mandando o leitor ‘tomar no c*'”.

O famoso soube da manifestação negativa do seu rival político, considerou Eduardo como fã e alfinetou: “Obrigado pela divulgação! Não gosto de você mas adoro que você lê e assiste tudo o que eu faço. Fã é um negócio que a gente não nega”.

Porchat, o mais criticado pelo roteiro irônico do especial, aproveitou a polêmica e mandou um recado aos hipócritas: “Gente, pode deixar que eu me resolvo com Deus, tá de boas, não precisa se preocupar não. Agora pode voltar a se indignar com a desigualdade que destrói nosso país. Mas tem que se indignar com o mesmo fervor, tá?”.

Confira:

CONTINUE LENDO →

Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter e escreve semanalmente para a coluna Você Sabia?. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.

ALERTAS GRATUITOS