Álvaro Garnero
Atualmente, Álvaro Garnero comanda o quadro 50 por 1, no Domingo Espetacular (Imagem: Divulgação/ Record)

A força-tarefa criada pela CNN Brasil para tirar nomes da concorrência, ao que parece, não tem surtido efeito com todos os alvos. Prova disso é que Álvaro Garnero, atualmente na Record, negou o convite feito pelo canal de notícias – e foi recompensado por isso.

De acordo com informações do portal Notícias da TV, o apresentador, que desde 2007 comanda o 50 por 1, que já foi programa e hoje é quadro do Domingo Espetacular, chegou a conversar com o comando do novo canal de notícias, mas recusou o convite.

Foi Douglas Tavolaro, CEO da CNN Brasil e amigo de Garnero quem o convidou. A ideia é que ele fosse a versão brasileira de Anthony Bourdain, que na CNN dos Estados Unidos, viajava pelo mundo descobrindo lugares desconhecidos e explorando culturas e culinárias.

Entretanto, a negativa de Garnero, herdeiro de um grupo empresarial e sócio de casas noturnas e restaurantes, e que tem a função de apresentador apenas como hobby, baseou-se pelo fato de que, para ele, a Record lhe dá mais visibilidade por ser uma emissora aberta.

Nos corredores da Barra Funda, a decisão surtiu efeito: ao comunicar a decisão de permanecer no canal, a cúpula não só se sentiu prestigiada como determinou o aumento do tempo de exibição do 50 por 1, que de sete minutos dentro do “DE”, saltou para 15.

🔵Boletim RD1 💥 Notícias dos Famosos