Atriz da Globo exige desculpas de Ana Maria Braga após atitude racista no Mais Você

Ana Maria Braga é detonada após atitude polêmica (Imagem: Reprodução / Globoplay)

Ana Maria Braga causou polêmica nas redes sociais após uma atitude em seu programa na Globo, o Mais Você. Na ocasião, ela levou um homem vestido de samurai e começou a imitar um sotaque caricato.

Dessa forma, ela foi acusada de “yellowface”, atitude preconceituosa e racista contra as pessoas do Leste Asiático. Ana chegou a trocar as letras “R” por “L” e isso deixou a atriz Ana Hikari irritada.

Ela questionou os internautas se a apresentadora se desculpou por estereotipar os povos do Leste Asiático, dizendo que a atitude é inaceitável:

“Tô trabalhando, não tô conseguindo acompanhar agora o Mais Você. Me avisem se a Ana Maria Braga se retratar hoje? Hoje é o dia oficial de comemoração da Imigração japonesa. Não dá pra aceitar ‘homenagens’ assim? isso tem outro nome, vocês sabem qual né?”.

 

No Instagram, Ana Maria ainda surpreendeu ao postar o vídeo e disparou:Quanta coisa bonita hoje. Conhecer culturas sem ter que viajar! Falamos sobre quimono, foccacia garden, fomos a liberdade com a Juju. Ô coisa boa!”.

A intenção do programa era fazer uma homenagem aos descendentes de povos de países do leste do continente, como China, Japão, Coreia do Norte e Coreia do Sul.

Tudo aconteceu em plena véspera do Dia da Imigração Japonesa. O programa, então, enviou a repórter Ju Massaoka ao bairro da Liberdade, em São Paulo, que é conhecido pela maior concentração da população nipobrasileira na cidade.

Após sua participação ao vivo, Ju Massaoka assistiu Ana Maria Braga e colegas de equipe do matinal trocarem a letra “R” pelo “L” na tentativa de imitar um suposto sotaque.

“Fazer uma homenagem para você e para todos. Tenho um samurai aqui vestido adequado para você e fala como samurai“, disse a loira. O rapaz, que apareceu vestido com roupas e usando maquiagem nas cores branca e vermelha, começou a trocar as letras do nome da global.

Nas redes sociais, então, o ato foi considerado racista e xenófobo pelos descendentes da comunidade, mesmo estes sendo brasileiros natos.

O público ainda identificou outra prática problemática durante o quadro, a “Yellow Face”. A polêmica acontece quando alguém de outro tom de pele, geralmente branca, pinta o rosto para se caracterizar como pessoa de pele amarela.

Confira a repercussão:

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›