Audiência da TV: Entrevista com “amigo” de Bolsonaro impulsiona Conversa com Bial

Conversa com Bial
Procurador-Geral da República, Augusto Aras concedeu entrevista ao Conversa com Bial; audiência correspondeu bem (Imagem: Reprodução / Globo)

O Conversa com Bial desta segunda-feira (1°), na Globo, recebeu o Procurador-Geral da República Augusto Aras. A audiência correspondeu positivamente à presença de um dos nomes em voga no cenário político. Caberá a Aras, homenageado por Jair Bolsonaro com honraria militar e cogitado por aliados para uma vaga no Supremo Tribunal Federal, decidir o futuro de processos que incomodam o Presidente da República – com o da fake news e da interferência na Polícia Federal.

Dados obtidos na Grande São Paulo mostram que o Conversa com Bial acumulou, ontem, 7,3 pontos – atrás apenas do papo de Pedro Bial e Glória Maria no último dia 18, com 7,4 de média.

Augusto Aras surpreendeu com falas sobre Jair Bolsonaro. Afirmou que o Presidente é espontâneo, saindo pela tangente quando questionado sobre a declaração de Bolsonaro a respeito do arquivamento do processo sobre interferência na PF, no dia em que visitou a PGR. “Ocorre que é uma declaração unilateral. O presidente esqueceu de combinar comigo”, relatou, admitindo que tal posicionamento o coloca numa posição de “aliado” do Palácio do Planalto.

A segunda na Globo contou ainda os 6,8 pontos do Bom Dia São Paulo com Rodrigo Bocardi e os 8,3 do Bom Dia Brasil de Ana Paula Araújo. O Encontro com Fátima Bernardes alcançou 7 de média. Já o SP1 de Cesar Tralli amealhou 12,1. O Jornal Hoje com Maju Coutinho elevou para 14. Na Sessão da Tarde, 12,9 do clássico infantil Encantada (2007).

No horário nobre, 23,8 do SP2 com Márcio Gomes. O Jornal Nacional, excepcionalmente apresentado por William Bonner e Mariana Gross – substituindo Renata Vasconcellos – anotou 31 pontos. A Tela Quente registrou 19,6 de média com Guardiões da Galáxia – Volume 2 (2017). O Jornal da Globo de Renata Lo Prete atingiu 10,3.

Por fim, 6,1 da série Castle, 4,8 com o filme Falha de Segurança (2014) no Corujão e 4,1 do Hora Um de Roberto Kovalick.

CONTINUE LENDO →

Duh Secco é “telemaníaco” desde criancinha. Em 2014, criou o blog “Vivo no Viva”, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.

ALERTAS GRATUITOS