Autor leva bronca de juiz após processar a Globo por plágio em Joia Rara

Joia Rara
Bianca Bin e Bruno Gagliasso nos bastidores de Joia Rara (Imagem: Renato Rocha Miranda / Globo)

O autor Alberto Rodrigues da Silva moveu um processo contra a Globo por suposto plágio de sua obra na novela Joia Rara (2013) e acabou levando um sermão do juiz responsável pelo caso. O caso foi aberto em 2018 e analisado pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro.

Autor de um livro sobre budismo, Silva escreveu o livro Sociedade dos Monges e alegou na ação que a Globo teria se apropriado das ideias do “projeto de imenso valor artístico”. A emissora contestou a ação. A informação é do Notícias da TV.

“As poucas coincidências se referem a um tema e a uma situação já amplamente explorados nas artes, sobre os quais nenhum autor pode alegar exclusividade”, defendeu. O autor perdeu o processo por prescrição do prazo em uma sentença de 2019.

Presta atenção

O juiz Alexandre de Carvalho Mesquita deu um puxão de orelha no advogado de Silva, que desmentiu o argumento da defesa de que a Globo não teria sido intimada pela Justiça.

“De duas, uma: ou o patrono do autor não sabe contar os prazos processuais ou o mesmo está de má-fé, já que consta nos autos que a ré [Globo] foi intimada no dia 29 de abril de 2019”, rebateu.

“Desta forma, advirto o autor, na pessoa de seu patrono, de sua conduta, sob pena de denúncia à OAB [Ordem dos Advogados do Brasil] por infração disciplinar e apuração de capacidade técnica”, informou.

O caso não parou. Em abril deste ano, o juiz arquivou o processo e deu uma bronca em um novo despacho.

“Parece que o autor não entendeu o que aconteceu nestes autos. Assim, explica-se: este julgador acolheu a alegação de prescrição, julgando extinto o processo com o exame do mérito, sentença que foi confirmada pelo TJ-RJ. Desta forma, não há mais nada a fazer nestes autos”, considerou.

O caso foi arquivado oficialmente em 8 de abril pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro. As partes não se manifestaram sobre o assunto.

Estrelada por Bruno Gagliasso, Bianca Bin e Mel Maia, Joia Rara abordou o budismo em seu núcleo principal, foi ao ar entre setembro de 2013 e abril de 2014 e recebeu o Emmy Internacional de melhor novela.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›