Band apaga vídeo em que Nelson Piquet chama Globo de “Globolixo”

Band
Band pede desculpas à Globo após polêmica de Nelson Piquet no Show do Esporte (Imagem: Reprodução / Band)

Autêntico ou sem educação? Ninguém chegou em um consenso sobre a postura de Nelson Piquet. Durante participação no Show do Esporte no último domingo (28), antes da estreia da Fórmula 1 na Band, ele chamou de “Globolixo” o canal que colocou a categoria máxima do automobilismo na vida dos brasileiros.

O ex-piloto e tricampeão de Fórmula 1 esqueceu que foi graças ao canal da família Marinho que o Brasil passou a amá-lo e colocá-lo no hall dos maiores pilotos da história da Fórmula 1. Narradores de dentro do canal já expressaram a opinião que, tirando Ayrton Senna, Piquet foi um dos maiores astros do esporte.

A declaração de Piquet, no entanto, pareceu mais um ataque de um bolsonarista do que uma crítica sobre sua relação pouco amistosa com o canal líder de audiência. O que ficou claro foi o descontentamento da Band com o assunto, que foi elogiadíssima por sua cobertura, mas dividiu as atenções com a atitude do ex-piloto.

Segundo o UOL Esporte, pessoas de dentro do departamento esportivo da Band ficaram tristes com a situação e lamentaram o ocorrido. De olho no fim da treta e de uma possível crise na relação com a Globo, a emissora paulista tirou do ar o vídeo de Piquet atacando a concorrente e emitiu uma nota pedindo desculpas.

“Em relação às opiniões proferidas no último domingo (28), durante a programação especial da cobertura do Grande Prêmio do Bahrein de F1, a Band esclarece que a posição dos nossos entrevistados não reflete necessariamente a da emissora”, declarou.

“Durante os últimos 41 anos, os direitos da F1 foram da Rede Globo e a Band não só reconhece o significativo trabalho feito, como também a qualidade técnica e jornalística, que valorizou e elevou a importância da modalidade”, destacou a empresa.

A Band assumiu as transmissões da Fórmula 1 para as próximas duas temporadas. A primeira corrida foi no último domingo (28), vencida por Lewis Hamilton, da Mercedes, após uma batalha roda com roda com Max Verstappen, da Red Bull.

Paulo CarvalhoPaulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.
Veja mais ›