Band avalia manter Lacombe fazendo “bico” até dezembro para depois demiti-lo

Luís Ernesto Lacombe
Luís Ernesto Lacombe caiu em desgraça na Band (Imagem: Divulgação / Band)

A decisão de acabar com o Aqui na Band como conhecemos hoje, aproveitando apenas o título e alguns elementos cenográficos em um novo projeto com Mariana Godoy, ocasionará em uma série de demissões na equipe de produção. Até mesmo o diretor Vildomar Batista e sua esposa, Nathalia Batista, serão dispensados.

Um nome, porém, deverá ser poupado, pelo menos por ora. Esta coluna do RD1 apurou que a Band estuda manter Luís Ernesto Lacombe em seus quadros até dezembro, quando o contrato do jornalista chega ao fim. Todavia, um rompimento neste momento, em comum acordo, não pode ser por todo descartado.

Lacombe encontra-se neste momento reunido com a direção da emissora. Se as partes decidirem respeitar o contrato até o fim, o âncora será deslocado para o Esporte e fazer “bicos”. Há duas possibilidades nesta área: o Band Esporte Clube e a faixa especial Você Torceu Aqui, ambas aos domingos.

Luís não será aproveitado no novo Aqui na Band, tampouco no jornalismo. A coluna descobriu que há um veto por parte de Fernando Mitre, diretor geral da área, ao nome do ex-global. Mitre considera inconcebível o aproveitamento de um nome que declarou publicamente suas preferências políticas. Como exemplos, são citados os casos de Ricardo Boechat (1952-2019), de esquerda, e José Luiz Datena, de centro-direita, que nunca deixaram a isenção de lado em suas colocações em público.

Ao abraçar o bolsonarismo, avaliam Mitre e Rodolpho Schneider, Lacombe excedeu qualquer limite e inviabilizou seu aproveitamento no jornalismo do Grupo Bandeirantes, daí a opção tapa-buraco para encaixá-lo provisoriamente no Esporte.

Na Band, o comentário interno é o seguinte: aos que prezam pelo emprego e têm juízo, não se bate de frente com Mitre e Datena em hipótese alguma, sob a punição de ser saído.

Além de Mariana Godoy, a Band ainda avalia a possibilidade de escalar um jornalista para fazer dupla com a ex-RedeTV!. Nomes como os de Dony De Nuccio, Zeca Camargo e Fernando Rocha passaram a ser discutidos internamente. Esse movimento, no entanto, dependerá de fatores comerciais.

Até o dia 3 de julho o Aqui na Band seguirá com reprises. A emissora espera colocar o novo projeto em cena no dia 6. Mas ainda não é certeza. Apesar do envolvimento de Antonio Zimmerle, diretor de Entretenimento, são enormes as chances do matinal ser entregue ao Jornalismo. Neste cenário, a grande possibilidade é da direção ficar a cargo de Rodolpho Schneider. O nome de André Luiz Costa, à frente do braço digital da Band, a Vibra, corre por fora.

CONTINUE LENDO →

João Paulo Dell Santo consome TV e a leva a sério desde que se entende por gente. Em 2009 transformou esse prazer em ofício e o exerceu em alguns sites. No RD1, já foi colunista, editor-chefe, diretor de redação e desde 2015 voltou a chefiar a equipe. Pode ser encontrado nas redes sociais através do @jpdellsanto ou pelo email jpdellsanto@rd1.com.br.