Barretto, da dupla com Bruno, revela venda de máscaras para conseguir renda

Barreto
Barretto, da dupla com Bruno, está fazendo sucesso com fábrica de máscaras (Imagem: Reprodução / Instagram)

Com os shows parados por causa da pandemia da Covid-19, Barretto, que forma dupla com Bruno, revelou que tem conseguido sua renda através da venda de máscaras de proteção contra o vírus.

Em conversa com o jornalista André Piunti, no YouTube, o cantor revelou que montou a fábrica Azulmed. Atualmente, a empresa possui 150 funcionários, e metade do que é produzido mensalmente é comprada pela Vale.

“Hoje a fábrica está com 150 funcionários. Um ano depois, a gente está fazendo aí em torno de 30 milhões de máscaras por mês e a gente vende tudo. A gente atende hospitais, grandes empresas, prefeituras”, contou Barretto.

“Hoje a gente fornece 15 milhões [de máscaras] só para a Vale. Isso me salvou, terminei a minha casa, comprei a caminhonete que eu queria e, graças a Deus, está indo tudo certo”, celebrou o sertanejo.

De acordo com o parceiro de Bruno, ele precisou agir para não ter problemas financeiros, já que passou por um período de gastos. “Eu estava construindo uma casa, tinha gastado praticamente toda a minha grana e [estava me] segurando ali até voltarem os rodeios, que é quando a gente ia ganhar grana mesmo“, explicou.

“Quando chegou a pandemia, eu precisava quitar um pouco das contas de minha casa nova. Tinha os meus ouros que eu usava e eu vendi para poder colocar na casa. Vendi carro para poder colocar na casa. Fiquei andando de carro alugado, ‘motinha‘”, revelou o famoso.

Após esse tempo mais delicado, o músico contou que chegou a proposta para abrir a fábrica. “Um dos meus empresários falou: ‘Barretto, vamos fazer máscara. Está vendendo demais, o pessoal está atrás’. Isso foi em abril. Colocamos a grana, com muito perrengue, uma maquininha que a gente comprou […] e fomos fazendo as máscaras. Quando a gente começou a fazer, não vendia, mas aí eu passei a postar nas minhas redes e começou a vender”.

Com 5 anos de carreira, Barretto explicou que não conseguiu dinheiro suficiente para não precisar mais trabalhar. “Um artista como a gente, de 5 ou 6 anos de carreira, do nosso nível, é difícil fazer a vida, falar assim: ‘fiz o meu pé de meia, não preciso mais trabalhar’. Mas a gente tem um apartamento bom, um carro bom, uma graninha guardada”, garantiu.

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›