BBB 2021: Carla Diaz explica por que não usou poder especial e revela final dos sonhos

BBB 2021
Carla Diaz explica por que não usou poder especial no BBB 2021 e revela final dos sonhos (Imagem: Reprodução / Globoplay)

Carla Diaz foi a eliminada mais recente do BBB 2021, numa votação bastante acirrada. Ela venceu o paredão falso há pouco mais de duas semanas, espiou 12 horas de conversas dos participantes, mas não usou o poder que lhe foi dado. Em entrevista à Mesa BBB, ela explicou os seus motivos.

Saiba tudo sobre o BBB 2021 na cobertura do RD1

Recapitulando, a atriz tinha a opção de vetar uma das decisões do anjo: seja a da escolha das pessoas do Castigo do Monstro ou a pessoa que ele decidiu imunizar. O prazo venceu e Tiago Leifert avisou que ela não poderia mais usar. A ex-BBB parou no paredão por fazer parte da primeira dupla a desistir da Prova do Líder da quinta-feira (18) passada.

Em primeiro lugar, Carla contou porque não tirou João Luiz desse castigo, que ele ficou fantasiado de cadeado e preso junto à Sarah: “Quando o João ganhou o monstro, eu perguntei pra ele: ‘Tá de boa pra você?’. Ele disse que sim. Eu não queria nunca ir para o monstro, porque eu sei que seria pesado pra mim. Mas tem algumas pessoas, por exemplo, a Pocah, uma vez ela pediu para ir para o monstro”.

Na primeira semana após sua volta, Projota foi anjo e imunizou Arthur. Sobre não ter vetado, a famosa deixou claro que não se arrepende: “Só que a primeira [semana] imunidade foi para o Arthur. E naquele cenário que eu tava, nos sentimentos que eu tava e sabendo das coisas que eu tava sabendo, ou melhor, do pouco que eu tava sabendo, eu fui coerente com meus sentimentos e deixei”.

Depois disso, Carla Diaz teve mais oportunidades para barrar decisões e optou por não fazer, novamente: “Na semana seguinte, Viih Tube pegou o anjo, o Arthur também queria o monstro. Ela imunizou a Thaís, que era uma das pessoas que era minha prioridade ali dentro”.

A artista contou que prefere que Camilla de Lucas, Juliette e Pocah cheguem na final. Sobre excluir o nome de João Luiz, ela se justificou: “João sai antes um pouquinho, na anterior. Vamos ficar com as três mulheres. Eu amo o João, mas a minha proximidade com as meninas foi maior. Elas me acolheram muito. Não que o João não tenha me acolhido, mas eu tenho que escolher”.

Por fim, Carla se mostrou grata ao descobrir os mais de 7 milhões de seguidores no Instagram e também o apoio destas pessoas: “Isso não tem preço. Sentir o carinho das pessoas que não me conheciam e principalmente das pessoas que me conhecem, não tem preço. É um alívio. Estar lá dentro é um mix de sentimentos, de confusões… Ouvir esse feedback é muito bom. Obrigada”.

Matheus Henrique MenezesMatheus Henrique Menezes
Oficialmente redator desde 2017. Experiências como editor e social media. Já escrevi sobre famosos, TV, novelas, música, reality show, política e pauta LGBTI+. Vídeos complementares no YouTube, no canal Benzatheus.
Veja mais ›