BBB 2021: Famosos criticam discurso problemático de Lumena no Jogo da Discórdia

BBB 2021
Famosos criticam discurso problemático de Lumena no Jogo da Discórdia do BBB 2021 (Imagem: Reprodução / Globoplay)

O Jogo da Discórdia chega no BBB 2021 toda segunda-feira, fazendo com que os participantes se comprometam ao responder perguntas a Tiago Leifert. Lumena precisava apontar quem enxergava como influenciador e influenciável, se prolongou demais e gerou crítica entre famosos.

Saiba tudo sobre o BBB 2021 na cobertura do RD1

Em resumo, a baiana abusou do palavreado difícil para nomear a si mesmo, Viih Tube, Sarah e Thaís como influenciáveis, ak;em de Karol Conká e Carla Diaz como influenciadoras. No seu discurso falou sobre representatividade negra e deu a entender que alguns de seus concorrentes reproduzem racismo no reality.

O ator João Vicente de Castro criticou a postura da sister no Big Brother Brasil: “Gente, que desserviço a Lumena presta ao debate identitário. É uma caricatura que afasta. Muito triste“.

Erika Hilton, vereadora trans e negra, também comentou: “O discurso da Lumena não representa movimento nenhum! As podridões da Lumena é sobre ela, nunca sobre o movimento negro! Um desserviço“.

Tainá Muller ficou sem reação com tudo que ouviu: “‘Militante milita lá fora’. Caramba, Lumena. Que loucura, bicho“. Luciele di Camargo repercutiu as falas de Lumena: “Lumena vai precisar de terapia, de preferências com ela mesma . Pra provar do próprio veneno“. Ingrid Guimarães foi mais direta: “Fenotica… o que?“.

Deborah Secco também apareceu no Twitter: “Lumena não entende nada mesmo, né? Meu Deus“. Elza Soares não citou nomes: “Gente, e o susto que esse pessoal vai tomar quando sair e assistir sua própria conduta perante os conflitos? O mundo vai além do próprio umbigo, gente. Em horário nobre, uma lição que só o tempo ensina“.

Recapitulando, Lumena foi defender Karol Conká do surto que teve com Carla Diaz na festa mais recente, quando acusou a atriz de dar em cima de Arcrebiano e também a acordou aos gritos, com muito deboche e acusações:

Ela é uma das maiores influenciadoras de jornadas artísticas potencializadoras e de não silenciamento. Consegue reivindicar seus lugares de fala, falar sobre suas dores, falar sobre suas questões de insegurança expor suas sombras, suas vulnerabilidades em rede nacional. Isso para mim é um ato de coragem, é um convite para mulheres negras entenderem a importância de não silenciar quando dói, quando existe insegurança, preterimento

Ao mudar o discurso para analisar a postura de Carla, Sarah, Thaís e Viih Tube, citou indiretamente a pauta racista e encheu seu argumento de palavras rebuscadas, que chamaram atenção:

É interessante perceber que, nessa experiência específica, como a dor de uma mulher fenotipicamente branca mobilizou toda a casa, acionando sentimentos de compaixão, de compreensão, de acolhimento, em detrimento da dor de uma mulher negra que foi criticada, alvejada, convocada inclusive ao desejo de não estar mais no programa (…) A dor de uma mulher fenotipicamente branca acionou um acolhimento e a dor de uma mulher fenotipicamente negra causou o distanciamento da casa“.

Confira:

Matheus Henrique MenezesMatheus Henrique Menezes
Oficialmente redator desde 2017. Experiências como editor e social media. Já escrevi sobre famosos, TV, novelas, música, reality show, política e pauta LGBTI+. Vídeos complementares no YouTube, no canal Benzatheus.
Veja mais ›