Bolsonaro detona Miriam Leitão e faz crítica pesada contra a Globo

Bolsonaro
Bolsonaro reagiu contra atitude de Miriam Leitão (Imagem: Reprodução – Globo / Montagem – RD1)

O presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou a dar uma entrevista para Jovem Pan News, que segue sendo uma das principais aliadas na televisão. Em conversa com o programa Pingos nos Is, o político voltou a detonar a Globo e sobrou até para Miriam Leitão.

Tudo aconteceu quando ele comentou sobre um forte artigo da colunista em O Globo, publicado no último dia 6. Na ocasião, a jornalista pediu que o presidente da República seja banido de “Facebook, Twitter e todas as outras redes”.

Bolsonaro reagiu: “Me banir das redes sociais é jogar fora das quatro linhas. O jogo tem que ser realizado dentro das quatro linhas. A gente não pode admitir jogo baixo dessa natureza. Aí não é uma disputa eleitoral dentro do critério democrático. É uma imposição. A gente não pode admitir isso aí”.

O político ainda afirmou que Leitão foi militante do Partido Comunista contra a Ditadura Militar e lembrou a campanha de 2018, quando ela passou sufoco ao vivo na GloboNews. Na ocasião, a global precisou ser auxiliada no ponto eletrônico após Bolsonaro questionar se Roberto Marinho era ditador ou democrata por ter apoiado o regime dos generais.

“A Miriam acha que tem algum apoio para me banir das redes sociais ou me fazer refém da grande mídia. Se eu dependesse apenas da Globo, eu estaria morto politicamente hoje em dia”, afirmou ele.

Jair Bolsonaro seguiu: “Qual é a acusação contra mim? Que fake news tenho praticado? Quando acontece um equívoco, já aconteceu, a gente se retrata no dia seguinte, coisa que não acontece na Globo, com essa comentarista econômica, Miriam Leitão”.

“Se ela fosse tão boa assim, já teria sido lembrada por alguém para ocupar o Ministério da Economia, uma secretaria de Economia de algum lugar. Mas nunca foi lembrada para isso”, seguiu o presidente.

O chefe do Executivo também garantiu não perseguir a imprensa. “Eu nunca tentei fazer nada contra a mídia. O Lula fala constantemente que vai regular a mídia, vai regular as redes sociais, e ela (Miriam Leitão) não tem qualquer crítica ao Lula. Ela age partidariamente na sua televisão”.

Miriam Leitão detona Bolsonaro

No começo do ano, a famosa sinalizou um possível risco de que o presidente da República atente contra o processo eleitoral de 2022. O desabafo da jornalista da Globo foi feito em sua coluna, nesta semana, do jornal O Globo.

“Virou clichê dizer que essa eleição será polarizada. Na verdade, polarizadas são todas as eleições, principalmente o segundo turno. O que realmente preocupa é que, pela primeira vez, desde a redemocratização, o país está entrando em um ano eleitoral com um presidente antidemocrático no poder”, afirmou a comentarista.

A contratada da Globo ainda ressaltou: “Bolsonaro está claramente em desvantagem nas pesquisas de intenção de votos, mas tem a máquina pública nas mãos, tem ministros subservientes que aceitam fazer qualquer papel que ele exija, e teve apoio de chefes das Forças Armadas nos seus arremedos autoritários, como aquele patético desfile de tropas na Esplanada antes da votação do voto impresso”.

“A dúvida que permanece sobre nossas cabeças é a respeito de quais artimanhas o presidente pretende usar para minar o processo democrático”, escreveu ela, em sua coluna.

Gostou do conteúdo? Siga @rd1oficial no Instagram e RD1.com.br no Facebook para acompanhar as últimas notícias dos famosos.

MAIS LIDAS

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser encontrado através do email [email protected]
Veja mais ›