Canal Viva exibe Criança Esperança com homenagem a Xuxa Meneghel

Xuxa
Xuxa Meneghel na edição 1992 do Criança Esperança; Canal Viva exibe espetáculo neste sábado (5) (Imagem: Reprodução / YouTube)

O Canal Viva exibe neste sábado (5), às 20h30, a edição 1992 do Criança Esperança. O resgate do espetáculo antecede à campanha 2020, com show previsto para o próximo dia 28, em formato diferenciado por conta da pandemia de coronavírus. O especial destaca uma homenagem a Xuxa Meneghel e a presença das duplas Chitãozinho & Xororó, Leandro & Leonardo e Zezé Di Camargo & Luciano, então no auge do sucesso.

O RD1 procurou o Viva para maiores informações sobre a reexibição, mas não obteve retorno; a matéria será atualizada caso a Comunicação do canal o faça.

Realizado no ginásio Gigantinho, em Porto Alegre, o Criança Esperança 1992 foi veiculado originalmente em 11 de outubro, domingo, às 17h. Os trapalhões Dedé Santana, Mussum e Renato Aragão comandaram a festa, ao lado de estrelas das novelas então no ar, como Lucinha Lins (de Despedida de Solteiro), Flávio Silvino e Mylla Christie (de Deus Nos Acuda). Também Antonio Fagundes, apresentador do recém-lançado Você Decide.

Na ocasião, Xuxa esteve prestes a encerrar o bem-sucedido Xou da Xuxa (1986). A Rainha dos Baixinhos buscava investir no mercado internacional e ampliar seu alcance no Brasil, lançando uma atração para toda a família, aos domingos – Xuxa (1993). Hits como Ilariê e Tindolelê e os recém-lançados Marquei um X e Nosso Canto de Paz integram a playlist; ainda, referências à vida de Xuxa no Sul, onde nasceu, com direito a depoimentos de familiares.

O Criança Esperança que o Viva exibe hoje traz ainda shows de Elba Ramalho, Fábio Jr e Sandra de Sá.

CONTINUE LENDO →

Duh Secco é “telemaníaco” desde criancinha. Em 2014, criou o blog “Vivo no Viva”, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.