Canal Viva resgata episódios históricos da 1ª versão do Sítio do Picapau Amarelo

Sítio do Picapau Amarelo
Reny de Oliveira (Emília) e Rosana Garcia (Narizinho) no Sítio do Picapau Amarelo; clássico da Globo ganha reprise no Canal Viva (Imagem: Divulgação / Globo)

O Canal Viva exibe, a partir desta segunda-feira (1°), a primeira versão da Globo para o Sítio do Picapau Amarelo. A produção baseada na obra de Monteiro Lobato, uma das mais pedidas pelo público do canal, retorna ao vídeo com três episódios históricos: O Minotauro (1978), Memórias de Emília (1978) e Reinações de Narizinho (1982) – já disponíveis no Globoplay.

O Sítio do Picapau Amarelo será exibido sempre de segunda-feira a sexta-feira, às 10h45, com reapresentação no dia seguinte, às 5h15 e às 10h15. Aos domingos, maratona a partir das 7h45. As três histórias somam 46 episódios. Não há informações, até o momento, sobre o resgate de outras tramas da atração, como O Anjinho da Asa Quebrada (1977) e Os Piratas do Capitão Gancho (1978), reapresentadas pela extinta TVE nos anos 1990.

Todas as narrativas partem do sítio de Dona Benta (Zilka Salaberry), avó de Narizinho e Pedrinho – Rosana Garcia e Júlio César em O Minotauro e Memórias de Emília; Daniele Rodrigues e Marcelo José em Reinações de Narizinho. Os três dividem o espaço com Tia Nastácia (Jacyra Sampaio) e criaturas fantásticas como Emília (Reny de Oliveira) e Visconde de Sabugosa (André Valli), uma boneca de pano e um sabugo de milho que ganharam vida.

Nomes como Gracindo Jr, Ítalo Rossi, Lúcia Alves, Marcelo Picchi, Dary Reis, Isabela Garcia, Stella Freitas e Zezé Macedo participam de tais episódios. O elenco conta também com Canarinho, Romeu Evaristo, Samuel Santos e Tonico Pereira; Catarina Abdala encarna a temida Cuca. A direção geral do Sítio do Picapau Amarelo coube a Geraldo Casé, pai de Regina.

Cabe lembrar que, também a partir de segunda, 11h15, o Viva reprisa Flora Encantada (1999), novela estrelada por Angélica. A aposta nesta obra e no Sítio do Picapau Amarelo reforça o caráter infanto-juvenil da faixa matutina e do início do período vespertino, adotado com o lançamento de Era Uma Vez… (1998), às 12h, em janeiro.

Duh SeccoDuh Secco
Duh Secco é  "telemaníaco" desde criancinha. Em 2014, criou o blog "Vivo no Viva", repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.
Veja mais ›