Catia Fonseca solta o verbo sobre atitude polêmica de Bolsonaro: “É o fim”

Catia Fonseca
Catia Fonseca no comando do Melhor da Tarde; apresentadora soltou o verbo contra Bolsonaro (Imagem: Reprodução / Band)

Catia Fonseca dedicou uma parte do Melhor da Tarde, da Band, nesta quinta-feira (7), para desabafar contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). A atitude da apresentadora foi tomada após ela noticiar que o poder executivo vetou um artigo de lei que liberaria a distribuição gratuita de absorventes.

O projeto tinha como objetivo fazer com que absorventes se tornem acessíveis a pessoas de baixa renda ou vulnerabilidade extrema.

O presidente da República aprovou a criação do Programa de Proteção e Promoção da Saúde Menstrual, mas vetou o primeiro artigo. O chefe do Executivo ainda indeferiu o terceiro artigo que se referia à lista de beneficiárias: estudantes de baixa renda em escolas públicas, mulheres em situações vulneráveis de ruas e mais.

“A gente tem que ficar de olho no que os nossos governantes fazem. Vou dar um exemplo: nosso Governo Federal, olha o que fizeram, o fim da picada”, iniciou a apresentadora da Band, revoltada.

Catia Fonseca seguiu: “Muitas meninas, isso foi feito através de pesquisas, por isso tentaram com uma nova lei pra ajudar essas meninas, elas deixam de ir para escola, porque não possuem absorvente. Tudo é mulher que menstrua. Você que é mulher, sabe como é. Colocar o papel higiênico? Não dá, gente”.

“Elas não vão pra escola porque não tem absorvente. Eles tentaram passar uma nova lei para deixar disponível para essas meninas sem condições financeiras, situação difícil, complicada no país, que não são poucas pessoas, terem por mês um x de absorventes para poderem usar. O que eles fizeram? Vetaram essa parte da lei. É o fim da picada”, finalizou a artista.

Em rede social, Ludmilla também soltou o verbo sobre o assunto. “É todo dia um 7×1 nesse governo. Tantas outras coisas pra eles se preocuparem, mas não, só querem f**** mais ainda a galera que já é sofrida e vulnerável. Imagina uma mulher não poder ir pra escola porque tá menstruada e não tem absorvente? Mas o leite condensado tá lá na mesa dele né”, desabafou.

MAIS LIDAS

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser encontrado através do email [email protected]
Veja mais ›