Com participação de Marina Ruy Barbosa, Bom Sucesso bate Amor de Mãe

Bom Sucesso
Fabiula Nascimento (Nana), Marina Ruy Barbosa (Eliza) e Grazi Massafera (Paloma) em Bom Sucesso (Imagem: Estevam Avellar / Globo)

O capítulo desta segunda-feira (9) de Bom Sucesso, novela das 19h, deu à Globo a maior audiência do dia, ultrapassando o Jornal Nacional e Amor de Mãe, às 21h. A trama de Rosane Svartman e Paulo Halm destacou o surto de Diogo (Armando Babaioff), decidido a matar Alberto (Antonio Fagundes), e a participação de Marina Ruy Barbosa como Eliza, sua personagem em Totalmente Demais (2015).

De acordo com dados obtidos na Grande São Paulo, Bom Sucesso atingiu 31,8 pontos. Em cena, o desfile arquitetado por Alberto, a partir dos desenhos de Nana (Fabiula Nascimento) para os vestidos confeccionados por Paloma (Grazi Massafera) – com base em personagens da literatura. Eliza foi o principal nome do evento; enquanto isso, Diogo arquitetava o plano para liquidar o ex-sogro.

Logo após, 30 para o Jornal Nacional e 30,8 com Amor de Mãe. A narrativa de Manuela Dias focalizou a fuga de Tiago (Pedro Guilherme Rodrigues); o garoto reagiu mal ao descobrir que a mãe adotiva, Vitória (Taís Araújo), está esperando um filho de Davi (Vladimir Brichta). Thelma (Adriana Esteves), por sua vez, desmascarou o garçom Vicente (Rodrigo Garcia), que sabotou seu restaurante.

Mais cedo, Avenida Brasil superou Malhação – Toda Forma de Amar. Foram 17,6 de média para a reprise do Vale a Pena Ver de Novo, de autoria de João Emanuel Carneiro, contra 17,3 do texto inédito de Emanuel Jacobina. A reapresentação trouxe Betânia (Bianca Comparato) decidida a não mais participar da farsa de Nina (Débora Falabella) para ludibriar Carminha (Adriana Esteves).

Em Malhação, Joaquim (Joaquim Lopes) saiu de casa após Lígia (Paloma Duarte) descobrir a traição do marido; o infiel responsabilizou Rita (Alanis Guillen) pela dessossego em seu lar. Enquanto isso, Cléber (Gabriel Santana) decidiu ir para a Bahia, deixando Anjinha (Caroline Dallarosa). A garota encontrou apoio no pai, Marco Rodrigo (Júlio Machado), decidido a morar com Carla (Mariana Santos).

Por fim, os 22,6 pontos de Éramos Seis. No enredo de Ângela Chaves, Elias (Brenno Leone) procurou Lola (Gloria Pires) para cobrar uma dívida de seu falecido marido, Júlio (Antonio Calloni). Inês (Carol Macedo) celebrou o reencontro com o pai adotivo, Afonso (Cássio Gabus Mendes) e Alfredo (Nicolas Prattes) foi à reunião dos anarquistas com a prima Adelaide (Joana de Verona), com quem está se envolvendo.

Duh Secco é “telemaníaco” desde criancinha. Em 2014, criou o blog “Vivo no Viva”, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.

WordPress Lightbox