Com show de Gusttavo Lima, Justiça da Bahia proíbe festa junina de R$ 2 milhões

Gusttavo Lima
Evento contaria com apresentação de Gusttavo Lima (Imagem: Divulgação)

Mais uma polêmica envolvendo Gusttavo Lima. O cantor se apresentaria na cidade de Teolândia, na Bahia, neste domingo (05), durante os festejos juninos, mas a Justiça proibiu que o evento aconteça.

Segundo informações do Splash, o órgão informou que a cidade não foi permitida a repassar verbas para empresas e artistas contratados para a Festa da Banana, que aconteceria entre 4 e 13 de junho.

O Ministério Público da Bahia revelou que o custo do evento ultrapassaria os R$ 2 milhões. Desses, R$ 704 mil seria apenas referente ao cachê de Gusttavo.

Veja Também

Todo o valor é mais de 40% do gasto que o município teve com a saúde no ano passado. A cidade chegou a receber R$ 2,3 milhões do Governo Federal para sanar com os prejuízos causados pelas enchentes e deslizamentos de terra que aconteceram em dezembro do ano passado.

Não se mostra possível que o mesmo município que informou necessitar de ajuda e recursos para salvaguardar a sua população de catástrofe natural, mesmo vivenciando um estado de calamidade televisionado para o Brasil inteiro, anuncie, em poucos meses, a contratação de artistas com cachês incompatíveis com as dimensões, arrecadações, necessidades de primeira monta e saúde financeira do município“, disse a promotora Cássia Pires Bezerra Cavalcanti.

Outros artistas contratados para o evento foram: Unha Pintada (R$ 170 mil), Adelmário Coelho (R$ 120 mil), Marcynho Sensação (R$ 110 mil) e Kevy Jonny e Banda (R$ 100 mil)..

Se descumprir com a decisão, a cidade vai precisar arcar com uma multa correspondente ao dobro do valor do contrato.

Além disso, a Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba) foi orientada a interromper o fornecimento de energia elétrica nos locais onde aconteceria a festa.

Polícia Militar de MG surpreende ao tomar atitude com Gusttavo Lima durante show

Uma atitude tomada pela Polícia Militar de Minas Gerais está dando o que falar nas redes sociais. Ocorre que os servidores da corporação invadiram um show de Gusttavo Lima, ocorrido em Divinópolis, para interagir com o cantor.

Em um ato de solidariedade ao artista, que vem sendo acusado de enriquecer com dinheiro público, os PMs o convidaram para se tornar embaixador de uma série audiovisual feita pela instituição.

Gusttavo, primeiramente venho trazer a solidariedade da Polícia Militar para você. Fique tranquilo, que essa casaca parda está contigo”, disse um dos policiais ao sertanejo.

Posteriormente, o militar revelou o desejo de ter o músico como embaixador da série produzida pela PM. Em um vídeo que está circulando na web, é possível observar trechos da conversa.

Muitos internautas acharam um absurdo a atitude tomada pelos servidores públicos. “Quando a polícia quiser reajuste de salário, vai lá pedir o Gusttavo Lima”, ironizou um usuário do Twitter.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›