Daniela Lima faz confusão e chama Bolsonaro de “ex-presidente” na CNN Brasil

Daniela Lima
Daniela Lima comete gafe e chama Bolsonaro de “ex-presidente” (Imagem: Reprodução/ CNN Brasil)

Daniela Lima causou novamente polêmica por fala envolvendo Jair Bolsonaro (sem partido). Ao vivo, no CNN 360º, a apresentadora cometeu uma gafe, nesta sexta-feira (6), e chamou o político de “ex-presidente”.

A falha ocorreu no momento em que a jornalista foi anunciar uma matéria sobre a palestra de Luís Roberto Barroso, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em um evento em São Paulo.

“Fala o ministro Luís Roberto Barroso num evento do Insper, uma entidade bastante respeitada aqui em São Paulo. Está debatendo a democracia e o futuro do Brasil. Já teve uma série de recados do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso”, iniciou a âncora.

Daniela Lima completou: “Ele disse que Bolsonaro demonstrou seu ímpeto autoritário. Vamos ver o que diz Barroso, o principal alvo dos ataques do ex-presidente… do… perdão! Do presidente da República”.

Nas redes sociais, ela dividiu opiniões com o seu erro. “Estou tão ansioso pela queda do Bolsonaro quanto a @DanielaLima_, que sempre o chama de ex-presidente na CNN. Esse dia vai chegar. Que seja logo”, disparou um internauta.

“Essa aí quando fala do Bolsonaro baba tanto que se perde até nas palavras. Ela é a Monalisa precisam ser mais profissionais e deixar as opiniões pessoais de lado. CNN com um nível super baixo com essas duas“, comentou um apoiador do presidente. Um terceiro opinou: “A mau-caráter da Daniela Lima continua na CNN”.

Recentemente, ela usou um momento do CNN 360º para denunciar uma postagem no Twitter que diz que ela apoiou a queima da estátua do bandeirante Borba Gato em São Paulo. A apresentadora, então, falou sobre ataques e ameaças nas redes sociais.

“Eu queria olhar para as pessoas que foram até as minhas redes dizer que eu deveria morrer, que iam incendiar a minha casa, que iam assassinar os meus pais, que a minha mãe e o meu pai deveriam morrer em breve. Eu escolhi atuar com o jornalismo, e faço jornalismo correto”, disparou.

A âncora da CNN Brasil seguiu revelando que as distorções sobre suas falas não são novidade: “Eu tenho sido vítima nas últimas semanas de uma série de distorções, edições maldosas cuja pior interpretação possível é sempre dada a trechos de coisas que eu disse”.

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›