Datena diz que Bolsonaro quer afundar o Brasil ao manter Paulo Guedes

Datena
José Luiz Datena rasga o verbo contra Paulo Guedes ao vivo (Imagem: Reprodução / Band)

“O presidente Jair Bolsonaro perdeu a oportunidade de mandar o ministro Paulo Guedes embora do governo”. Foi com essa frase que José Luiz Datena partiu para o ataque contra o ministro Paulo Guedes e a atitude do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em mantê-lo no comando da economia do país.

“O senhor está querendo afundar o Brasil com o Paulo Guedes”, detonou o apresentador. “O senhor é parente do Paulo Guedes? Ele já mostrou que não gosta de pobre! Ele ferrou o pobre até agora!”, continuou.

“Ele não queria gastar dinheiro com o povo [na pandemia]. O que esse homem fez pelo Brasil até agora na pandemia? O que ele fez pelo pobre no Brasil? Se fizesse, não tinha tanta gente morrendo de fome!”, criticou.

“A economia gestada pelo Paulo Guedes e a equipe dele é a péssima das péssimas”, definiu. “Não adianta ele dar um auxílio de R$ 400 e dizer que é bonzinho. O diabo não vira anjo da noite para o dia. Pelo contrário: o diabo é o anjo caído”, apontou.

No ar, Datena confessou que rezou quando soube que Paulo Guedes estava prestes a deixar o comando do Ministério da Economia: “Eu rezei três Pai Nosso e Ave Maria para ele sair mesmo. Os evangélicos, os muçulmanos, os budistas pediram: ‘Sai daí, Guedes!'”.

Decepcionado com Bolsonaro, que articulou uma entrevista coletiva de última hora para tentar acalmar os ânimos do mercado, Datena disse o que Guedes deveria ter feito no início da pandemia, em março de 2020:

“Se ele fosse um bom ministro da Economia, quando começou a pandemia ele falaria assim: ‘Presidente, vamos fazer uma reforma administrativa, pois vai faltar dinheiro'”.

José Luiz Datena virou alvo de partidos políticos para uma possível candidatura à presidência da República no ano que vem. Em uma pesquisa de intenção de voto, o apresentador do Brasil Urgente já chegou aos 11%, longe do ex-presidente Lula (PT) e do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), mas logo à frente de Ciro Gomes (PDT), João Doria (PSDB) e Luiz Henrique Mandetta (DEM).

Confira:

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

MAIS LIDAS

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›