Décio Piccinini revela ser portador de doença rara

Décio Piccinini
Décio Piccinini revela ser portador de doença rara (Imagem: Reprodução / SBT)

Décio Piccinini quebrou o silêncio nesta semana e falou pela primeira vez sobre uma doença rara a qual ele descobriu ser portador há cerca de 4 anos.

Em entrevista ao R7, o jornalista explicou que a enfermidade trata-se de um distúrbio neurológico que causa tremores involuntários no corpo.

“Eu tenho problema de ansiedade. Não posso olhar para aquilo que eu estou fazendo. Se eu tiver que olhar para a xícara que estou te entregando, eu vou tremer. É uma espécie de autocobrança”, disse.

Parecida com o Mal de Parkinson, a doença, de acordo com o apresentador, não é um tabu em sua vida: “Acho que isso está incomodando mais as pessoas do que a mim. Eu não tenho o menor problema em falar sobre o assunto”.

Durante o bate-papo, o comunicador contou ainda que há a possibilidade dele fazer uma cirurgia para amenizar os sintomas dos tremores.

“No meu caso, não é a mão inteira que treme, são os polegares, direito e esquerdo. Daria para eu fazer um tratamento que me levaria a uma cirurgia ou então, partir para a fisioterapia. Mas eu ainda não me decidi por nenhum dos dois tratamentos”, afirmou.

Décio falou também sobre sua carreira. De coração aberto, o apresentador revelou se é uma pessoa realizada profissionalmente.

“Acho que sim, quer dizer, realizado eu não sou, porque do contrário, o que eu estou fazendo aqui? Sempre há alguma coisa para se realizar. Obviamente já tirei tantas conclusões, já tirei tantas surpresas boas e tantas, mas tantas decepções, que eu prefiro ser surpreendido. Eu adoro surpresas, então, que venha o dia de amanhã”, refletiu.

O veterano finalizou o papo repercutindo a volta de Silvio Santos à TV após ficar meses afastado por causa da pandemia:

“Ele me pareceu extremamente saudoso, nunca passou um ano e meio longe de um microfone. Então, ele voltou com a corda toda, alegre, falante… Foi muito legal ver volta dele”.

“A longevidade dele como comunicador… Ninguém fica esse tempo todo como essa corda toda, com a audiência que ele dá, com o público fiel que ele tem. Ele é sempre uma grande caixa de surpresa. Eu não tenho a menor ideia do que poder acontecer, o que me parece extremamente positivo”, completou.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›