Determinação polêmica de Silvio Santos no SBT deixa afiliadas revoltadas

Silvio Santos
Presidente da República Jair Bolsonaro, durante entrevista ao apresentador Silvio Santos (Imagem: Alan Santos / PR)

Silvio Santos não surpreendeu apenas o público ao trocar o SBT Brasil por uma edição especial do Triturando, na noite do último sábado (23), mas a determinação também pegou as afiliadas do canal desprevenidas.

O telejornal é o mais importante da casa e, de acordo com o colunista Ricardo Feltrin, do UOL, as emissoras que retransmitem a programação da rede viram a atitude como “vergonhosa”, por conta de duas questões.

A questão comercial é a primeira delas. Os comerciais foram vendidos para um programa e foram veiculados em outro. A segunda é a questão política envolvida na decisão de Silvio, que quis evitar notícias contrárias ao Jair Bolsonaro.

A edição do telejornal não poderia ignorar a polêmica reunião entre o presidente e seus ministros, com uma sequência de palavrões e ameaças aos ministros do STF, então a saída estratégica foi a de cancelar o telejornal.

Diante da repercussão negativa, o dono do SBT tentou reverter a situação, decidindo exibir o vídeo na íntegra antes e depois do seu programa, na noite deste domingo (24). O colunista destacou que essa foi a forma encontrada para agradar o presidente.

A exibição na íntegra seria “menos prejudicial” para a sua imagem, em vez de editar de acordo com a perspectiva dos jornalistas. As afiliadas, porém, já estariam entrando em contato com outras cabeças de rede nacionais.

CONTINUE LENDO →

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.

ALERTAS GRATUITOS