Diretores do SBT estariam revoltados com demissão de Rachel Sheherazade

Rachel Sheherazade
Saída de Rachel Sheherazade divide diretores do SBT (Imagem: Reprodução / SBT)

A demissão de Rachel Sheherazade continua repercutindo nos corredores do SBT. A jornalista, que tinha contrato vigente com a emissora até o fim do mês de outubro, foi dispensada um mês antes e por e-mail, na última segunda-feira (28).

De acordo com o jornalista Flávio Ricco, do R7, o afastamento repentino causou uma verdadeira divisão entre os diretores do canal de Silvio Santos. Alguns dos executivos não escondem a revolta pela decisão pouco ortodoxa para desligar a agora ex-líder do SBT Brasil.

Na noite da última segunda-feira (28), a apresentadora publicou um vídeo em seu canal no YouTube, no qual avisou a rescisão do contrato, um mês antes do término oficial. Rachel foi comunicada por e-mail do fim da parceria – articulada por Silvio após a repercussão de um comentário dela sobre o Carnaval, enquanto apresentadora da TV Tambaú.

Bem, como vocês já sabem, há cerca de um mês, eu e o SBT decidimos não renovar a nossa parceria de quase 10 anos. Nosso contrato então deveria seguir até o dia 31 de outubro desse ano, mas o SBT me comunicou, através de um e-mail, que a partir de hoje, segunda-feira, 28 de setembro, eu não mais precisaria voltar à emissora e portanto apresentar o ‘SBT Brasil’. Então a empresa dá por cumprido o nosso trato”, relatou Sheherazade.

Mas em nomes dos quase 10 anos que eu estive à frente do ‘SBT Brasil’, que é o principal jornal da emissora, e sendo, portanto, a jornalista que mais tempo representou esse noticiário, esteve à frente da bancada, eu achei que seria de bom tom não sair à francesa”, alfinetou. “Em respeito a vocês, meu público, eu venho nesse horário habitual dos telejornais, dizer adeus. Adeus não. Um ‘até breve’”, prosseguiu ela.

Contratada por Silvio Santos para opinar, Rachel Sheherazade tomou um “cala boca” público, durante participação no Troféu Imprensa, após tecer comentários polêmicos – como o “adote um bandido”. A conduta do “patrão”, porém, veio acompanhada da aproximação do SBT dos governos Michel Temer e, especialmente, Jair Bolsonaro. Enquanto se atinha ao teleprompter na bancada do noticiário, Rachel usava as redes sociais para analisar a política a expressar sua indignação.

A saída dela do SBT, cabe lembrar, foi atribuída pela própria ao pedido público por sua demissão feito pelo empresário Luciano Hang, patrocinador de muitas das atrações da casa, notório apoiador de Jair Bolsonaro. Silvio Santos, aliás, é afinado com o Presidente da República; seu genro, Fábio Faria, atua como Ministro das Comunicações.

CONTINUE LENDO →

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com