Eduardo Bolsonaro divulga estreia da Jovem Pan na TV e alfineta a GloboNews

Eduardo Bolsonaro
Eduardo Bolsonaro divulgou a estreia da Jovem Pan News na TV (Imagem: Reprodução)

O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) decidiu divulgar a estreia da Jovem Pan News na TV fechada e aproveitou para alfinetar a GloboNews. Em seu Twitter, nesta quarta-feira (13), o filho do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), ainda falou sobre a geração de empregos.

“No dia 27, a @JovemPanNews ganha seu canal de TV, a princípio na televisão por assinatura”, iniciou o deputado, que ainda compartilhou o teaser sobre o novo canal de notícias, que vai estrear no dia 27 de outubro.

Eduardo Bolsonaro seguiu: “Além dos empregos gerados, esta é uma boa notícia pois traz mais uma opção aos espectadores, fugindo do monopólio de informação nível PSOL que praticam GloboNews e outras”.

A Jovem Pan, cabe lembrar, tem demonstrado um grande alinhamento com o presidente da República e seus aliados. Na TV, alguns dos programas da rádio e do canal no YouTube vão continuar, levando ainda mais informação e debates políticos.

Nesta semana, o deputado federal causou polêmica ao desabafar sobre a revelação de que a HQ do novo Superman colocará o protagonista se assumindo bissexual. O político aproveitou e lembrou que uma nova edição de quadrinho colocou Robin também falando de sexualidade.

“Chegou o dia em que é obrigatório! Para ser aprovado pelo establishment midiático é preciso pagar um pedágio, eles querem decidir por você e ditar o monopólio das virtudes”, disparou o político.

O filho do presidente Jair Bolsonaro ainda disparou: “Vários desses super-heróis inspiram adolescentes e crianças. Mas o problema é o garoto de policial, né?”. Ele fez referência à polêmica em que o chefe do Executivo apareceu com uma criança no colo segurando arma.

Num outro post, Eduardo Bolsonaro afirmou: “A intenção não é democratizar os super-heróis ou tornar o mundo mais tolerante, é o contrário: destruir a masculinidade dos mais tolerantes para dominar estes cordeiros e instigar o ódio nos resistentes para poder acusá-los de homofóbicos e depois a esquerda se dizer protetora dos gays”.

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›