Em canal da Globo, técnico do América-MG diz que o futebol está apavorado e pede paralisação

Globo
Ao vivo em canal da Globo, Lisca surpreende em desabafo sobre a pandemia (Imagem: Reprodução / Premiere)

Técnico do América-MG, Lisca fez um forte desabafo sobre a atual situação do país e revelou em entrevista ao canal Premiere, da Globo, que o mundo do futebol “está apavorado” com a pandemia de Covid-19, que nas últimas 24 horas matou mais de 1.800 brasileiros.

Antes do início da partida do seu time no Campeonato Mineiro, Lisca pediu a palavra ao repórter para uma declaração fora do roteiro. “Cara, eu vou aproveitar a sua deixa e fazer um apelo para as autoridades do Brasil e principalmente para a CBF”, começou ele, que citou a tabela da Copa do Brasil.

“É quase inacreditável que saiu uma tabela com jogos dias 10, 17… 80 clubes… Que nós vamos levar jogadores e delegação de 30 pessoas de um lado e outro do país. O país parou, gente!”, esbravejou.

Lisca lembrou que o país vive uma situação caótica com falta de leitos nos hospitais e afirmou que perdeu amigos dentro e fora dos campos. “Não tem lugar nos hospitais! Eu estou perdendo amigos, amigos treinadores. Não é hora mais, cara. É hora de segurar a vida, velho”, emocionou.

“Aqui no Mineiro [Campeonato Mineiro] tudo bem, é mais perto, mas você vai pegar uma delegação do Sul e levar para Manaus. Como vocês vão fazer isso, gente?”, questionou o treinador.

Em seguida, Lisca fez um pedido direto ao presidente da CBF, Rogério Caboclo. “Presidente Caboclo, pelo amor de Deus! Juninho Paulista, Tite, as autoridades, nós estamos apavorados. Pelo amor de Deus!”, implorou. O desabafo de Lisca ganhou a internet e já foi visto por mais de 1 milhão de pessoas.

Confira a repercussão na web:

Paulo CarvalhoPaulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.
Veja mais ›