A Escrava Isaura bomba e Caminhos do Coração flopa na Record

A Escrava Isaura
Bianca Rinaldi (Isaura) em A Escrava Isaura; reprise emplaca ótima audiência (Imagem: Divulgação / Record)

Novela que marcou a retomada da dramaturgia da Record, há pouco mais de 15 anos, A Escrava Isaura (2004) está em sua quarta reprise. E, mais uma vez, vem abocanhando ótimos índices de audiência. Por outro lado, Caminhos do Coração (2007), trama que chegou a intimidar a Globo em sua exibição original, acumula médias baixas.

Nesta quinta-feira (2), das 15h16 às 15h57, A Escrava Isaura emplacou 8,1 pontos, 10 de pico e 15% de participação no número de televisores ligados (share); na mesma faixa, 6 de média para o SBT. Entre 15h57 e 16h43, Caminhos do Coração marcou 5,5 pontos, 8 de pico e 10% de share; aqui, empate técnico com o principal concorrente.

O êxito de Isaura também pode ser mensurado no comparativo com as tramas do horário nobre. Ontem, Amor Sem Igual alcançou 8,8 pontos; a reapresentação de O Rico e Lázaro (2017) atingiu 6,6. Das quatros novelas, apenas a que narra a saga da escrava de pele alva (Bianca Rinaldi) assegurou a vice-liderança com folga.

Cabe lembrar que os dois folhetins do horário nobre receberam em alta: 10,2 pontos, 14 de pico e 15% de share para o Cidade Alerta, das 16h43 às 19h45 – contra 6 do SBT e da Band. E 10,4 pontos, 13 de pico e 14% de share para o Jornal da Record, entre 19h45 e 20h45 – 7 do SBT.

Ainda, 2,1 do Balanço Geral Manhã, 4,5 para Fala Brasil e Hoje em Dia, 7,3 com Balanço Geral SP e 5,2 do Plantão Coronavírus. O JR – 24 Horas anotou 4,2 com a edição matutina, 5,1 e 9 nos blocos vespertinos e 3,1 com o boletim da madrugada.

Duh Secco é “telemaníaco” desde criancinha. Em 2014, criou o blog “Vivo no Viva”, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.

WordPress Lightbox