Ex-BBB Renata Dávila solta o verbo e esclarece pedido de prisão contra o ex

Renata Dávila
Renata Dávila expôs toda situação com o ex-marido (Imagem: Reprodução / Instagram)

Após toda a polêmica, Renata Dávila resolveu explicar a razão de ter pedido a prisão de Humberto Pentagna Guimarães, seu ex-esposo, pelo não pagamento da pensão alimentícia da filha deles de 4 anos. No YouTube, a ex-BBB postou um vídeo e esclareceu a situação.

As pessoas que convivem comigo sabem de tudo que passei e enfrentei ao longo desses dois anos. Teve a pandemia e a gente viveu um cenário muito diferente. Foi tanto sofrimento e luta, que não tem como eu não falar sobre isso. Já falei anteriormente, mas achei importante falar sobre isso novamente… Ele me chamou de mau caráter. Por que sou mau caráter? Por que lutei pelos direitos da minha filha? Mau caráter para mim, é quem deixa de dar suporte para uma criança, podendo dar… Mau caráter é quem ameaça, ofende“, disparou a ex-sister.

“As únicas coisas que ele pagava era a conta de luz e a internet. Nas últimas semanas, comecei a perceber que a internet estava ruim e procurei saber o que estava acontecendo”, contou a loira, que mostrou um áudio de uma mulher dizendo que a luz e a internet haviam sido cancelados por Humberto.

A qualquer momento, eu poderia chegar em casa com a geladeira sem funcionar, sem luz. Ou seja, com um cenário completamente inapropriado para uma criança“, afirmou Dávila.

Renata ainda explicou a razão de expor toda essa situação. “Me mantive calada durante muitos meses. Já estava acontecendo muitas coisas. Só expus tudo na mídia, porque um belo dia tive a surpresa dele invadindo o apartamento que moro com a minha filha, com um chaveiro. Fez uma confusão danada, segurou forte no braço da minha mãe… Nunca ataco, só estou tentando me defender. Dizem que as mulheres que passam por isso, precisam expor essas situações. Pode acontecer qualquer coisa, a qualquer momento”, concluiu.

Vale lembrar que em conversa com a Quem, a ex-BBB já tinha falado sobre a situação com o ex. “Já vai fazer dois anos que nos separamos e nesse tempo todo, estou arcando com todas as despesas da nossa filha sozinha. Ele alega que a decisão da pensão não havia sido decretada pela justiça e que ele não tinha a obrigação de pagar. Acontece que está aí a prova. Finalmente, a justiça tomou a decisão. Espero que ele pare de achar que é o dono da razão, que manda no judiciário, como ele gosta de encher a boca para falar e cumpra seu dever como pai. Coincidentemente, na semana que o decreto da prisão saiu, ele foi passar um mês fora do Brasil”, contou.

Veja:

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›