Ex-braço direito de Marcius Melhem se manifesta sobre apoio a humorista

Marcius Melhem
Ex-braço direito de Marcius Melhem, Daniela Ocampo falou sobre acusações (Imagem: Divulgação / Globo)

Autora dos programa de humor da Globo, Daniela Ocampo decidiu falar pela primeira vez sobre as acusações de que estaria, supostamente, acobertando os casos de assédio sexual dos quais o ex-diretor Marcius Melhem tem sido acusado.

Em rede social, nesta segunda-feira (7), a roteirista declarou que não sabia do que acontecia nos bastidores dos humorísticos. Ela ainda explicou que não queria dar entrevista à revista Piauí, pois não gostou da forma como o tema foi abordado nas perguntas.

A reportagem em questão apresentou detalhes de supostos assédios cometidos por Melhem, inclusive, sexualmente, contra atrizes do canal carioca. Dani Calabresa teria sido uma das vítimas do ex-diretor.

“Quando o repórter me procurou para a matéria sobre o caso Marcius, eu não me senti confortável com a abordagem das perguntas. Não quis dar entrevista porque, como aleguei para ele, é um caso grave e que não deveria ser tratado assim, mas dei uma declaração real: ‘Agi de acordo com as convicções que eu tinha na época'”, disse.

A matéria, que utilizou relatos de supostas vítimas, mostrou que Daniela Ocampo mobilizou a equipe para que todos assinassem uma carta de apoio ao chefe declarando que não havia assédio moral nos bastidores do humor da Globo.

A contratada da emissora carioca também ressaltou que, quando assinou e encaminhou as cartas, não havia nenhuma denúncia de assédio sexual.

“Os abaixo-assinados referiam-se ao fato de o programa Fora de Hora não ser um plágio do Furo MTV e de, ao contrário, do que havia sido armado por um jornalista, não haver assédio moral no ambiente de trabalho do Zorra”, escreveu ela.

A ex-braço direito de Marcius Melhem seguiu: “Amigos e equipe me procuraram, pois queriam se pronunciar formalmente contra essas acusações. Na época, nenhuma informação contrária a essa havia sido falada. E, principalmente, a gente não sabia de nenhuma denúncia de assédio sexual”.

“Só alguns meses atrás comecei a ouvir histórias e pessoas me procuraram e eu as procurei. Entendi que não sabia muita coisa e que por trabalhar diretamente com o Marcius muita gente se afastou de mim”, continuou.

Daniela também disse que, por ser próxima a Melhem, entende o motivo de não ter sido procurada para denunciar esses casos de assédio e garantiu que está devastada com as histórias.

“Por mais que as pessoas adorem culpar as mulheres por não terem visto isso ou aquilo, é possível não ver sim. A gente não sabe das relações que as pessoas têm na vida pessoal delas, na intimidade. A estrutura machista/patriarcal é feita para isso: afastar, intimidar e silenciar”, comentou.

“Deixo declarada minha admiração a todas as mulheres que têm coragem de expor as violências que sofreram. Sou mulher e carrego meus fantasmas. Jamais acobertaria violência contra mulher. Todas as vítimas têm o meu apoio, meu respeito e a minha admiração. E, por favor, parem de culpar as mulheres por tudo”, finalizou.

Daniela OCampo se pronunciou sobre acusações (Imagem: Reprodução/ Instagram)
Daniela OCampo
Daniela OCampo se pronunciou sobre acusações (Imagem: Reprodução/ Instagram)

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›