Ex-diretor de Verdades Secretas emite opinião sobre Grazi Massafera nas gravações: “Cascuda”

Verdades Secretas
Grazi Massafera na primeira temporada de Verdades Secretas (Imagem: Reprodução – Instagram / Montagem – RD1)

Grazi Massafera vem repercutindo desde a reprise da novela Verdades Secretas, produzida em 2015, e o antigo diretor da história, Mauro Mendonça Filho, continua rasgando elogios à profissional.

Em seu perfil no Instagram, ele definiu a atriz como “cascuda”, por se mostrar disposta a tudo pela arte: “Ela é cascuda! Dizer que é linda é o óbvio inevitável: sim, ela é linda de morrer, mas Grazi é trocentas coisas mais”.

“Nela habita um mundo de mistérios, como em toda mulher admirável. Quando fez teste para a Larissa, me impressionou pelo lado sombrio, dark. Vimos na hora que tínhamos a personagem e lhe demos o papel”, explicou.

“Meu briefing: o ponto de partida é o de uma mulher viciada em compras, cocaína, ecstasy, internet e papo raso. Ela vai descendo a ladeira, se viciando em crack, decompondo sua moral, sua beleza, ética e não devemos saber onde isso vai parar, só descer a ladeira”, revelou.

“Pela foto dá para ver que ela desceu de skate, que se jogou no abismo, o quanto é uma atriz talentosa, versátil e corajosa. Beleza é algo relativo na vida de uma atriz e por que não dizer das pessoas… Continua sendo fundamental, mas nem sempre significa poder”, opinou.

“Pode reafirmar pré-conceitos e mascarar personas e facetas. A beleza da Grazi é apenas um portal para o seu infinito particular. Acompanhem a incrível decadência de Larissa, em Verdades Secretas”, sugeriu.

E completou dizendo:

“Massafera, minha parceira, você mora no meu coração (e eu sei que moro no seu). Mestre, maestro, meu guia e farol nessa jornada chamada Larissa. Você estava comigo e poucas vezes senti tanta confiança em me jogar sabendo que teria apoio e parceria. Obrigadaa sempre será pouco! Você uniu os melhores diretores. A equipe incentivou cada um e fez deste trabalho um sucesso”.

Vale lembrar que esse foi o papel que lhe rendeu uma indicação ao Emmy Internacional, o Oscar da TV mundial, e imagens dos testes mostram que o seu talento já foi visto logo de cara, por conta de sua entrega.

O autor da novela, Walcyr Carrasco, se mostrou impressionado:

“Eu precisava de alguém que fosse fundo e de uma estrela que se descontruísse, capaz de se atirar fundo. No teste, ela já estava desconstruída, falei: ‘essa está se atirando de cabeça’. Mas ela foi de cabeça corpo e alma”.

O diretor artístico da novela, Mauro, também rasgou elogios, ao dizer: “A Grazi veio desde o teste com uma composição muito adequada, muito acertada sobre a personagem”.

“Levei um susto de início, duvidei da minha capacidade como atriz, da minha capacidade de entendimento da vida como um todo para um personagem tão dramático, tão denso, tão angustiado”, lembrou Grazi.

Confira:

Esse conteúdo não pode ser exibido em seu navegador.

MAIS LIDAS

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›