Fábio Porchat lança novo filme sobre Jesus e diz que cristãos não conhecem a Bíblia

Fábio Porchat fala sobre a Bíblia (Imagem: Reprodução / Instagram)

Fábio Porchat lançou o novo especial de Natal do Porta dos Fundos pela Netflix e abriu o jogo sobre as críticas que vem recebendo por parte dos cristãos desde a produção anterior. Desta vez, ele fez uma paródia do documentário Democracia em Vertigem com o “Teocracia em Vertigem”.

Desta vez, ele trouxe um Jesus rapper, com muitas referências à política brasileira, e falou que as piadas bíblicas nunca serão esgotadas. “Só a história de Ló dá um especial inteiro maravilhoso”, disparou, em entrevista ao G1.

“As pessoas não conhecem a história da Bíblia, as pessoas não sabem quem é Barrabás, não sabem que é Pôncio Pilatos. Mas tem que ser também uma história que dê para entender. Tem piadas do primeiro tratamento que só cristão iria entender”, revelou.

“Mas eu não acho que tenha fim não. Desde o primeiro, o tema tem sido religioso e não precisa ser. Um ano pode ser sobre Papel Noel…. Mas a Bíblia tem muito chão”, completou. No documentário anterior, o Porta dos Fundos chegou a ser alvo de ataques em sua sede.

Sobre o assunto, Porchat lamentou: “O atentado só reforçou aquilo que a gente já imaginava: que o Brasil está se tornando um país intolerante, não disposto a dialogar, a não debater e apenas a bater. Um país que sempre foi muito alegre, feliz e que sempre teve na sua essência a troca com o diferente, passou a lidar muito mal com isso”.

“Então, o atentado, na verdade, me afeta como cidadão brasileiro, como morador do Rio de Janeiro, me afeta nesse sentido. Em relação a piadas, não mexe com nada. A gente sofreu o atentado e um dia depois lançou um vídeo sobre Jesus de novo, em 2019”, declarou.

“Continuamos fazendo esse tipo de vídeo. O que a gente entende é quem são essas pessoas que estão vendo isso e a gente tem uma dimensão maior desses ratos e baratas que saíram dos esgotos. Mas não repensamos nada, continuamos fazendo as nossas coisas, vivendo a vida, entrando em cartaz no teatro, andando na rua, fazendo as nossas coisas. A gente entendeu que foi muito mais uma obra de cinco criminosos, muito mais pontual e muito mais único do que falando pelo todo”, completou.

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›