Falha técnica bagunça Fantástico e faz Poliana Abritta chamar intervalo às pressas

Fantástico
Poliana Abritta interrompeu Fantástico após falhas técnicas; duas matérias do jornalísticos foram interrompidas sem explicação (Imagem: Reprodução / Instagram)

O Fantástico deste domingo (18) virou assunto não pelas conhecidas produção e relevância das matérias. Duas reportagens foram interrompidas sem maiores explicações. Diante da “pane no sistema”, a âncora Poliana Abritta acionou os comerciais, que entraram após o “congelamento” da vinheta – e que, em algumas afiliadas, foram também cortados pela volta do programa.

No primeiro bloco do “show da vida”, Poliana chamou pela pauta sobre a foto do dinamarquês Mads Nissen, premiada no concurso internacional Word Press Photo. A imagem compreende o abraço de uma enfermeira e sua paciente através da cortina do plástica, artifício usado na pandemia para permitir o contato físico. Nissen fez o registro em numa Instituição de Longa Permanência de Idosos (ILPI) em Ribeirão Pires (SP), durante sua passagem pelo Brasil, em 2020.

Enquanto o fotógrafo falava sobre o prêmio, a matéria foi interrompida. Sem maiores explicações, o Fantástico passou a exibir investigação do repórter Maurício Ferraz sobre jovens hackers que aplicaram golpes no auxílio emergencial, fornecendo, inclusive, um programa que facilita tais fraudes. A reportagem ocupou muitos minutos da revista eletrônica, até que Abritta surgiu no vídeo para esclarecer o episódio:

Pessoal, vocês devem ter percebido. A gente teve um problema técnico. Vamos agora chamar os comerciais e daqui a pouco a gente volta para exibir a reportagem do abraço e também a reportagem que foi interrompida agora há pouco do Maurício Ferraz”.

Na volta, a jornalista e seu colega Tadeu Schmidt anunciaram a pauta sobre as gêmeas siamesas Eloá e Sara, separadas graças a uma cirurgia realizada em São Paulo. Os conteúdos cortados só foram veiculados após a homenagem aos 80 anos de Roberto Carlos. O anúncio coube, novamente, a Poliana Abritta.

Agora sim. No bloco anterior, a gente teve um problema técnico que interrompeu a exibição de duas reportagens. A gente vai reprisar as duas na sequência. Uma sobre golpes no auxílio emergencial e a outra, que você vê agora, sobre um gesto de amor durante a pandemia que virou a foto do ano”.

Confira:

Duh SeccoDuh Secco
Duh Secco é  "telemaníaco" desde criancinha. Em 2014, criou o blog "Vivo no Viva", repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.
Veja mais ›