A Fazenda 2021: Erika se irrita após alfinetadas e ter seu voto de fazendeira questionado

A Fazenda 2021
Erika se irrita após alfinetadas em A Fazenda 2021 e por ter seu voto de fazendeira questionado (Imagem: Reprodução / PlayPlus)

Depois da formação da segunda roça de A Fazenda 2021, Rico Melquiades se irritou pelos 7 votos recebidos e causou uma punição proposital. Erika Schneider, que teve seu voto como fazendeira questionado, ainda foi provocada por causa de sua amizade com o humorista.

Saiba tudo sobre A Fazenda na cobertura do RD1

Tudo começou com Bil Araújo soltando uma alfinetada: “Te falei, Erika”. A bailarina se irritou com o que ouviu e rebateu: “Eu tô passando a mão na cabeça dele? Você acha que eu sou conivente com o que ele está fazendo?”.

Erasmo Viana disparou mais outra: “É aquele ditado: quem anda com porcos, farelos come”. Erika não deixou por menos e contra-argumentou: “Se fosse assim, eu não estava falando nem com você, porque eu não concordei com várias atitudes que você teve durante a semana”.

O modelo devolveu: “Eu não falei nada. Ela se dói e começa a atacar os outros”. A loira foi firme na discussão e continuou: “Eu tô falando no geral! Se a carapuça serviu… Você falou isso tudo pra quem, Erasmo? Ninguém concordou”.

Em outro momento, Erika Schneider contou que se sentiu desmerecida como fazendeira: “Quando eu desci, eu vi vários olhares de pessoas que nem olhavam no meu rosto. As pessoas me menosprezaram e não só quando eu era fazendeira”.

A peoa, ao ser questionada por Mussunzinho, explicou o motivo de ter votado nele: “Algumas brincadeiras sem graça, inclusive com a Medrado, e foi por isso que eu quis votar em você. Eu não tenho afinidade com você, já tentei conversar e não consigo… Eu vou levar as situações em conta. Você também me colocou como opção de voto. Chumbo trocado não dói”.

O ator discordou dos posicionamentos: “Eu não tive atitudes machistas contigo”. Erika finalizou expondo o que sentiu do concorrente ao prêmio de R$ 1,5 milhão: “Você estava tentando colocar na minha cabeça que eu fui mandona. Não gostei das suas atitudes. Eu não podia falar nada, porque eu ia ser ‘a mulher soberba’”.

Confira:

Matheus Henrique Menezes
Oficialmente redator desde 2017. Experiências como editor e social media. Já escrevi sobre famosos, TV, novelas, música, reality show, política e pauta LGBTI+. Vídeos complementares no YouTube, no canal Benzatheus.
Veja mais ›