Felipe Neto se revolta e critica médica que prestou depoimento na CPI

Felipe Neto
Felipe Neto desabafou sobre médica que prestou depoimento na CPI (Imagem: Reprodução / YouTube)

Felipe Neto voltou a usar o seu Twitter, nesta terça-feira (01), para falar sobre a CPI da Covid-19. O famoso criticou a médica Nise Yamaguchi, que prestou depoimento no Senado.

“Tem que cair o mito de que ‘todo médico sabe o que tá falando e é muito inteligente’. Tem muito mecânico ruim. Muito dentista ruim. Muito professor ruim. Tem gente ruim em todas as profissões. Por isso o mantra de sempre buscar uma segunda opinião médica pra qualquer diagnóstico”, iniciou o youtuber.

O influenciador seguiu: “Favor não ler como ‘então todo médico é ruim e devemos desconsiderar o que dizem’. Se você leu isso, favor reler”.

Felipe Neto, então, foi direto em sua crítica para Nise, após momento acalorado na CPI, quando o senador Otto Alencar (PSD) a enfrentou.

“A médica Nise Yamaguchi não possui conhecimentos básicos, de nível de ensino médio, sobre assuntos relacionados a infectologia. Ela é peça-chave do suposto ‘ministério paralelo’ da Saúde, que disseminou tratamento precoce e cloroquina no BR”, desabafou ele.

Ele ainda compartilhou o momento em que o senador médico cobrou exames de pacientes tratados por Yamaguchi com o medicamento e a apresentação dos resultados. “Até porque a senhora deve saber a diferença entre um protozoário e um vírus. A senhora sabe? Qual é a diferença, doutora? Doutora Nise, estou perguntando para a senhora”, questionou Otto Alencar.

Enquanto Alencar insistia na pergunta, Nise Yamaguchi folheava papeis que levou à comissão. O advogado da médica interveio. “Pela ordem o quê? É só a diferença entre um protozoário e um vírus”, afirmou o presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM).

Após o senador reforçar novamente a pergunta, Nise Yamaguchi respondeu: “Protozoários são organismos celulares, e os vírus são organismos que têm o conteúdo de DNA ou RNA”.

“Não senhora, não senhora, tenha paciência. Não é bem assim. A senhora não é infectologista, se transformou de uma hora para outra, como muitos no Brasil, se transformaram em infectologista, e não é assim”, disse Otto Alencar.

“A senhora não soube explicar o que é o vírus. Vírus não são nem considerados seres vivos. Portanto, uma medicação para protozoário nunca cabe para vírus”, acrescentou o senador. “A senhora não sabe, infelizmente. A senhora não sabe nada de infectologia. Nem estudou, doutora”, completou.

Luiz Fábio AlmeidaLuiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e responsável pela coluna "Do Fundo do Baú", publicada às quintas-feiras no RD1, com conteúdos marcantes da história da TV brasileira. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email luizfabio@rd1audiencia.com
Veja mais ›