Galvão Bueno critica Neymar e o compara com Messi em transmissão da Globo

Galvão Bueno
Galvão Bueno critica Neymar durante transmissão (Imagem: Divulgação / Globo)

Galvão Bueno surpreendeu o público da Globo, nesta quinta-feira (9), e criticou uma reação de Neymar Jr após algumas faltas sofridas na partida entre Peru e Brasil nas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022.

Ao vivo, durante a transmissão, o narrador oficial da emissora declarou que falta autocontrole do camisa 10 da seleção brasileira em determinados momentos. Ele ainda comparou o craque ao ídolo argentino Messi.

“Calma, Neymar, calma. Isso que falta um pouquinho no Neymar. Você não o Messi fazer isso. Falta um pouquinho ainda ao Neymar esse autocontrole porque o Messi apanha tanto quanto ele“, disparou Galvão Bueno.

O comentário do apresentador veio após as reclamações de Neymar com a arbitragem após uma falta sofrida aos 17 minutos de jogo.

O comentarista e ex-jogador Roque Júnior concordou com as falas do colega de transmissão e garantiu que o atual camisa 10 do Brasil precisa ter “mais tranquilidade” dentro do campo.

“Ele tem que ter mais tranquilidade porque isso chama contra ele outros jogadores. Não é toda hora que você precisa encarar o cara, reclamar porque isso atrapalha um pouco ele. Ele é caçado, mas ele tem que melhorar essa conduta porque isso vai ajudá-lo”, disse Júnior.

Nesta semana, Galvão reagiu contra as críticas que recebeu por causa dos seus comentários na transmissão do jogo Brasil x Argentina, que acabou sendo suspenso depois de invasão de agentes da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) em campo.

O apresentador da Globo publicou um vídeo em suas redes sociais e explicou o uso das palavras duras e da expressão “vergonha”. Ele explicou que teve este sentimento em relação às imagens e, principalmente, diante da atitude da seleção argentina de falsificar documentos.

“Bem, amigos, eu volto ao assunto do cancelamento do jogo de ontem principalmente para explicar àqueles que possam não ter entendido bem o que eu quis dizer. Principalmente com a expressão ‘vergonha’”, começou o famoso.

Galvão Bueno seguiu: “Vergonha pelas imagens que foram mostradas, mas principalmente vergonha da atitude da seleção argentina de falsificar um documento. Já existe a prova da falsificação, inclusive o nome de quem fez a falsificação deste documento”.

O narrador da Globo também garantiu que sempre esteve a favor das ações tomadas pelas autoridades sanitárias do país. Ele esclareceu que entende que pessoas que tentaram fazer com que o jogo acontecesse devem ser identificadas e responsabilizadas.

Luiz Fábio Almeida
Luiz Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e colunista do RD1. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email [email protected]
Veja mais ›