Galvão Bueno se emociona e revela atual estado de saúde de Caio Ribeiro

Galvão Bueno
Galvão Bueno comenta sobre a situação de Caio Ribeiro (Imagem: Reprodução / SporTV)

Galvão Bueno fez uma homenagem a Caio Ribeiro durante o Bem, Amigos!, do SporTV, e falou com entusiasmo sobre o estado de saúde do comentarista de futebol do Grupo Globo. O narrador disse que falou com ele logo depois da terceira etapa do tratamento.

“Fiquei muito feliz de ver o Caio participando (da transmissão ontem), consegui falar com ele após a terceira etapa do tratamento, são quatro. Ficou bonitinho com o cabelo cortado”, aprovou.

“Como disse na última transmissão da seleção brasileira, rapidinho você vai estar aqui conosco de volta, segunda-feira que vem você vai estar aqui por Skype. Deus te abençoe, certeza que você vai ficar muito bem”, apostou.

“Você está com Deus e com a ciência do seu lado, não poderia estar melhor; assim como o nosso Rei Pelé, que vem melhorando e em breve deve sair da UTI”, mencionou ao vivo.

Na semana passada, Caio Ribeiro desabafou sobre o seu tratamento contra o linfoma de Hodgkin. “Eu resolvi enfrentar e assumir o tratamento, uma parte é do médico e a outra parte é minha, ter a cabeça boa, se manter saudável. Falta mais uma quimioterapia. Aí vamos expulsar esse linfoma, vencer essa luta contra o câncer e estar de volta mais forte do que nunca”, manifestou.

“Obrigado pela homenagem, fiquei emocionado. Não esperava, estou segurando o nó na garganta para não chorar mais uma vez. Amo vocês, obrigado pelo carinho”, agradeceu.

“É tratar de cabeça erguida os problemas da vida, é tratar as coisas com bom humor, saber que às vezes a gente fraqueja e quando temos dificuldades é olhar para os lados e perceber que tem muitas pessoas para te dar a mão e voltar mais forte”, complementou.

O linfoma de Hodgkin é um câncer que se origina no sistema linfático (linfonodos ou gânglios), conjunto composto por órgãos e tecidos que produzem as células responsáveis pela nossa imunidade, e vasos que conduzem essas células através do corpo. Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), esse tipo de linfoma pode surgir em qualquer parte do corpo.

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›