Globo forjou entrada ao vivo para enganar invasor, revela especialista

Globo
Ali Kamel criou estratégia para enganar invasor da Globo (Imagem: Reprodução / Instagram)

Um dos maiores peritos criminais e especialistas em segurança do Brasil, Jorge Lordello revelou ao programa TV Fama, da RedeTV!, detalhes exclusivos sobre os bastidores da invasão de um homem armado nas instalações da Globo no Rio de Janeiro na tarde desta quarta-feira (10).

Segundo o profissional, além de pedir para conversar com a apresentadora Renata Vasconcellos enquanto fazia a repórter Marina Araújo de refém, Thomas Rainer, de 30 anos, fez outra exigência para o coronel Heitor Henrique Pereira, comandante do 23º batalhão da corporação: ele queria entrar ao vivo na programação da emissora.

Ali Kamel, diretor-geral de jornalismo da Globo, que acompanhava as negociações, criou uma estratégia para enganar o invasor e forjar uma transmissão em tempo real. Ele pediu para um cinegrafista registrar toda a ação enquanto outros profissionais exibiam para o criminoso uma tela com o retorno dessas imagens, como se fosse uma TV ligada.

Veja Também

A estratégia deu certo, já que além de “aparecer ao vivo”, o homem também conseguiu ver Renata no local, quando só então largou a faca, libertou Marina e se rendeu à polícia. Segundo a emissora, as reações corajosas, serenas e solidárias das jornalistas foram imprescindíveis para que tudo ocorresse bem.

A assessoria da Polícia Civil no 12 DP informou que Thomas foi preso em flagrante pelo crime de cárcere privado.

Globo
Imagens de bastidores revela presença de cinegrafista durante invasão à Globo (Imagem: Reprodução / Instagram)

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

MAIS LIDAS

Daniel Ribeiro
Daniel Ribeiro cobre televisão desde 2010. No RD1, ao longo de três passagens, já foi repórter e colunista. Especializado em fotografia, retorna ao site para assinar uma coluna que virou referência enquanto esteve à frente, a Curto-Circuito. Pode ser encontrado no Twitter através do @danielmiede ou no danielribeiro@rd1.com.br.
Veja mais ›