GloboNews ganha audiência com manifestações pró-Bolsonaro e 11 de setembro

GloboNews
Leilane Neubarth no Conexão GloboNews; audiência da GloboNews dispara com cobertura de manifestações pró-Bolsonaro e memórias do 11 de setembro (Imagem: Reprodução / GloboNews)

A GloboNews arrebatou a liderança de audiência na TV paga entre os dias 6 e 12 de setembro. Os dados são referentes às praças São Paulo e Rio de Janeiro e ao Painel Nacional de Televisão (PNT), que afere os índices de 15 regiões metropolitanas.

Em destaque neste período, a cobertura das manifestações de 7 de setembro, marcadas por declarações antidemocráticas de Jair Bolsonaro e os 20 anos do ataque terrorista ao World Trade Center.

A audiência da GloboNews cresceu 36% no comparativo com a semana anterior (30 de agosto a 5 de setembro). O índice foi 79% superior à soma dos números registrados por outros canais de notícias – como BandNews, CNN Brasil e Record News.

No dia 7 de setembro, a GloboNews obteve a melhor audiência desde a anotada quando o então Ministro da Justiça e Segurança Público Sergio Moro pediu demissão do cargo, rompendo relações com o Presidente da República, em 24 de abril do ano passado.

O canal de notícias do Grupo Globo dedicou sua programação à cobertura do manifesto pró-Bolsonaro, bem como às consequências das falas dele sobre o Superior Tribunal Federal (STF) – incluindo o recuo após os ataques feitos ao Ministro Alexandre de Moraes.

Já o dia no qual o atentado às torres gêmeas completou duas décadas incluiu documentários como Geração 11 de Setembro, focado nas trajetórias de sete órfãos de vítimas da queda do WTC. Também a repercussão da data, com os respectivos eventos a respeito, nos noticiários.

MAIS LIDAS

Duh Secco
Duh Secco é  "telemaníaco" desde criancinha. Em 2014, criou o blog Vivo no Viva, repercutindo novelas e demais atrações do Canal Viva. Foi contratado pela Globosat no ano seguinte. Integra o time do RD1 desde 2016, nas funções de repórter e colunista. Também está nas redes sociais e no YouTube (@DuhSecco), sempre reverenciando a história da TV e comentando as produções atuais.
Veja mais ›