Iris Stefanelli volta a negar transfobia contra Ariadna em No Limite e se diz chateada

Iris Stefanelli e Ariadna Arantes
Iris Stefanelli volta a negar transfobia contra Ariadna em No Limite e se diz chateada (Imagens: Reprodução – Globoplay / Montagem – RD1)

Iris Stefanelli causou uma grande polêmica em sua participação no reality No Limite, numa conversa com Ariadna Arantes, com internautas a acusando de transfobia. A loira não se desculpou pela chateação confirmada por Ariadna, voltou a negar essa intenção e inverteu a situação em novo depoimento.

Resumindo o conflito, Ariadna confessou que precisou apelar para a prostituição por um tempo, devido a falta de oportunidades por causa do preconceito com mulheres transexuais e a baixa expectativa de vida. A ex-participante do BBB 7 disse que a concorrente tinha sim opção de sair dessa vida, estudando pra concursos e que essa barreira era “coisa de sua cabeça”.

De acordo com o Extra, Iris negou que teve a intenção de ser transfóbica e disse que seu irmão Everton (40) foi quem mais ficou abalado com essa polêmica, já que é gay assumido:

O meu irmão é homossexual e foi o que mais sofreu com essa história da Ariadna, porque ele é apaixonado por mim e sabe que eu não sou assim, que eu não estava julgando a Ari, nem sendo preconceituosa, como estão me acusando. Fiquei muito chateada com essa história. Se tem uma coisa que eu não sou é preconceituosa”.

A integrante da tribo Carcará, de No Limite, disse que as coisas que ouviu do público e de Ariadna Arantes acabaram a magoando e afirmou que tenta entender as pessoas:

O ser humano tem que ser amado, respeitado. A gente tem uma vida para viver e temos que fazer o bem para o outro. Fiquei muito chateada mesmo em ver as pessoas julgando você por uma coisa que você não é. É muito triste isso. Mas eu sempre tendo entender o lado da pessoa. É difícil, mas sei que tem muita gente que me conhece e sabe como eu sou”.

Anteriormente, no Instagram, Iris Stefanelli disse que a conversa fala sobre altos e baixos na vida de artistas e que foi mal-interpretada pela carioca. Ao negar preconceitos, a famosa descreveu a relação do irmão com a família:

No começo, não foi fácil. Meu pai não queria e não aceitou bem. Foi meio que um choque. Mas hoje, ele é muito amado, meu pai não tem preconceito nenhum. Meu irmão é muito engraçado, ele brinca, faz show aqui em casa, chama a gente de queridinha, dança e mata a gente de rir. É a alegria da minha vida, da família toda. Minha relação com ele é muito boa. Sou mais que uma irmã, sou uma espécie de mãe dele. Dou conselhos, broncas… Não existe essa coisa de preconceito, tenho muito amor pelas pessoas. Nunca tive preconceito com ninguém”.

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›