Isis Valverde fez laboratório com comadre para interpretar enfermeira em Amor de Mãe

Amor de Mãe
Isis Valverde (Betina) em Amor de Mãe; personagem enfrentará Covid-19 na reta final (Imagem: Camilla Maia / Globo)

Na nova fase de Betina, em Amor de Mãe, interpretada por Isis Valverde, a personagem irá trabalhar na linha de frente do combate ao coronavírus como enfermeira. Para ajudar no processo de construção da atuação, a famosa contou com a ajuda da amiga Cibele Siqueira, que é enfermeira e madrinha de Rael, seu filho de 2 anos.

Eu não tenho palavras para falar sobre o trabalho desses profissionais. Eu me emociono só de lembrar para falar. Tenho muito orgulho da Cibele e dos seus colegas de profissão. Conversamos muito sobre a rotina nos hospitais, os cuidados com os pacientes, o medo da pandemia. Ela foi essencial para essa nova fase da Betina”, declarou Isis em entrevista à colunista Carla Bittencourt.

A atriz relembrou ainda que foi muito difícil gravar as cenas no hospital, mesmo sendo algo fictício. Segunda ela, foi muito difícil segurar a emoção: “Eu fiquei muito impressionada em ver as pessoas entubadas, com respiradores, aquele clima horroroso de UTI. E olha que eram figurantes, tudo de mentira. Imagina como seria encarar a realidade?”.

Através do Instagram, Cibele sempre demonstra o amor que sente pela profissão: “Ser enfermeiro é uma dádiva, um presente de Deus, pois Ele nos escolheu entre milhares de pessoas para sermos cuidadores, portadores de alegria, fé e esperança às pessoas que deixaram muitas vezes de acreditar na vida. Ser enfermeiro, é como dizem os próprios pacientes, ser “anjos sem asas” colocados na Terra para fazer diferença nesse mundo onde as pessoas se tornaram tão frias e alheias ao sofrimento do próximo”, declarou.

Para nós profissionais de saúde não existe presente maior do que o total restabelecimento de um paciente, pois é para isso que trabalhamos, é nisso que nos dedicamos, por isso é que cuidamos. A enfermagem traz dentro de si renúncia, trabalho e amor, e eu acredito que o amor nessa profissão linda, deva ser nosso foco principal, sem pensarmos em recompensas, mas sim no sorriso, no abraço e na recuperação daqueles que cuidamos. O amor é fonte inesgotável de força e é aí que devemos nos apegar para cuidar, não olhando o paciente como doente, mas sim um ser humano olhando para outro ser humano”, complementou.

AvatarDa Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›