João Vicente de Castro revela o que ouviu sobre Alexandre Garcia quando era criança

João Vicente de Castro
Opositor do atual governo João Vicente de Castro faz comentário sobre Alexandre Garcia em rede social (Imagem: Reprodução – CNN Brasil – Multishow / Montagem – RD1)

João Vicente de Castro, um dos opositores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), falou abertamente sobre o fiel defensor do capitão, o jornalista Alexandre Garcia. A menção ao veterano da CNN Brasil foi em uma declaração no Twitter quando recordou uma história com o pai.

Segundo João Vicente, ele estava assistindo televisão com o pai quando viu pela primeira vez Alexandre Garcia na TV. Na época, o ator tinha apenas 7 anos de idade. Ele viu o jornalista e perguntou para o pai quem era. O patriarca da família Castro respondeu na lata: “Um canalha, meu filho”.

“Lembro me que quando eu tinha 7 anos, estava no sofá com meu pai assistindo TV quando vi Alexandre Garcia pela primeira vez, perguntei ao meu pai quem ele era. Meu pai respondeu sem titubear: ‘Um canalha, meu filho, um canalha'”, escreveu o galã em sua rede social no dia 8 de maio, sábado.

Um internauta passou por uma situação diferente com o pai. “Já comigo foi ao contrário, meu pai elogiava ele demais… Em 2018, descobri que meu pai era palco de genocida, explicou muito”, contou.

“Eu quando era criança até gostava dele e me admirava”, admitiu outra. “Não sabia da história dele aí foi só o fulano ser presidente que vi as loucuras que esse cara fala. Agora eu tenho vergonha alheia”, desabafou. “Eu cheguei a admirar esse cara, lamentável minha ingenuidade”, declarou um terceiro.

“Vivi os últimos anos dos governos militares. Vim conhecer o Alexandre Garcia na antiga TV Manchete, depois Globo. O canalha Alexandre Garcia vim a conhecer com o surgimento do Bolsonarismo”, condenou mais um.

Confira:

Paulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email [email protected].
Veja mais ›