Autor da Globo explica por que as novelas atuais não denunciam o autoritarismo

Globo
Daniel Adjafre, autor da Globo, falou à coluna Curto-Circuito sobre a abordagem política em novelas (Imagem: Divulgação / Globo)

É possível fazer uma análise política do Brasil através de novelas da Globo como Roque Santeiro (1985), Roda de Fogo (1986), Vale Tudo (1988) e O Salvador da Pátria (1989), mas como observou Marcílio Moraes em conversa com esta coluna, as produções mais recentes não exploram os assuntos de Brasília que são debatidos diariamente no país, como o flerte de grupos políticos com a volta do autoritarismo.

A Curto-Circuito conversou com o autor Daniel Adjafre para entender por que as produções brasileiras não dialogam completamente com o cenário político atual, como ocorre em produções do Estados Unidos, Canadá e Austrália, entre outros países. Recentemente em seu canal no YouTube, o criador de Deus Salve o Rei (2018) destacou que as séries distópicas da TV mundial, como The Handmaid’s Tale (O Conto da Aia), são criadas a partir de um olhar atento sobre questões atuais da sociedade.

Talvez no Brasil isso não ocorre porque lá fora, principalmente nos EUA, haja maior liberdade de expressão. Aqui há um certo receio de que haja algum tipo de retaliação (do governo [Jair] Bolsonaro especificamente). Mas espero que em breve surja algo por aqui. Também não temos uma tradição forte em distopias. Algo que torço para que mude em breve“, comentou o autor da Globo.

Daniel lembrou que a pandemia paralisou as produções de séries e novelas no Brasil, o que impossibilitou uma reflexão maior sobre o momento atual do país através da dramaturgia. “E de qualquer maneira, o bolsonarismo é um movimento relativamente recente“, ponderou.

Adoraria escrever uma distopia, mas no universo das séries. Uma novela seria meio arriscado, principalmente porque a natureza de uma história distópica é mais verticalizada, mais contundente. E a novela mais horizontal. O universo da distopia é muito intenso, aflitivo, às vezes“, explicou.

Será?

Apesar do Globoplay não divulgar os números detalhados de suas atrações, Rafa Kalimann jura de pés juntos que o Casa Kalimann, é um “sucesso de audiência” no streaming. “Muito além do que imaginávamos para esse momento, estamos super felizes“, comemorou a apresentadora no Instagram, deixando em aberto a possibilidade de uma nova temporada do criticado programa.

Inacreditável

De volta ao Liberdade de Opinião, na CNN Brasil, após um incidente com âncora Rafael Colombo, Alexandre Garcia minimizou a aglomeração promovida pelo presidente Jair Bolsonaro durante um encontro com apoiadores no domingo do Dia das Mães. “No momento do encontro, eles estavam sob orientações sanitárias de ficar ao ar livre e sob o sol que dá vitamina D. Esse é o momento mais saudável de uma… Vamos chamar de aglomeração“, comentou o jornalista.

Tudo quase normal

Quanto Mais Vida Melhor
Giovanna Antonelli, Marcos Caruso e Zezeh Barbosa gravam Quanto Mais Vida Melhor; novela das 19h segue em gravação (Imagem: Reprodução / Instagram)

Embora ainda não crave datas para estreias, a Globo segue gravando suas novelas e séries. Ontem (10), Karina Dohme dividiu o registro de Giovanna Antonelli, Marcos Caruso e Zezeh Barbosa no set de Quanto Mais Vida Melhor, próximo título das 19h. Josie Antello, por sua vez, compartilhou uma foto da equipe de Sob Pressão, que caminha para a quarta temporada.

Espiadinha

Órfãos do BBB 2021 e fãs de realities poderão revisitar a primeira edição do Big Brother Brasil, de volta hoje (11), 19h30, no Canal Viva. O programa também vai estar disponível para assinantes do Globoplay + Canais ao Vivo.

O BBB1 foi um marco na TV brasileira e vemos o quanto o público é apaixonado pela atração. No Viva, vamos recordar como tudo começou. As primeiras provas e paredões, as paixões e conflitos entre os participantes. Vai ser muito interessante acompanhar a trajetória dos primeiros brothers e sisters, e perceber a evolução da atração ao longo dos anos”, garante Stephanie Purwin, gerente de programação do canal.

MAIS LIDAS

Curto-Circuito, por Luiz Fábio Almeida
A coluna Curto-Circuito é assinada por Luiz Fábio Almeida, editor-assistente do RD1, e reúne, de terça a sábado, no início da tarde, o que é e vai virar notícia nas próximas horas envolvendo os movimentados bastidores da TV.
Veja mais ›