Jornalista usa quimono e quase é derrubado por Rodrigo Bocardi no Bom Dia SP

Rodrigo Bocardi
Rodrigo Bocardi e Alessandro Jodar protagonizam tentativa de ippon em edição ao vivo do Bom Dia SP (Imagem: Reprodução / Globo)

Rodrigo Bocardi foi protagonista de um momento inusitado durante o Bom Dia SP desta terça-feira (28). O jornalista não segurou os seus dotes de lutador e, quando viu Alessandro Jodar com um quimono de judô, desafiou o colega para um duelo em frente às câmeras da Globo.

publicidade

Responsável pelo quadro de esportes do telejornal local, Jodar apresentou uma reportagem sobre judô paraolímpico e apareceu vestido com o traje.

Bocardi aprendeu a luta na infância, ensinou o colega a amarrar a faixa, mas se empolgou demais, agarrou o quimono e quase deu um ippon no jornalista esportivo.

publicidade

Veja Também

“Não, não, Bocardi! Para com isso!”, implorou o repórter, que arrancou gargalhadas do apresentador. “Fiquei com vontade de uma lutinha com você!”, assumiu.

Confira:

publicidade

Rodrigo Bocardi desabafa sobre agressão contra procuradora no interior de SP

O apresentador reagiu chocado com a agressão sofrida por uma procuradora de um colega na cidade de Registro, no interior de São Paulo. Ao vivo, o global desabafou sobre o episódio e pediu proteção para a profissional:

publicidade

“É inacreditável, isso que estou dizendo. Quem garante a vida dessa procuradora agora, neste exato momento? Quem garante que essa não será morta? A gente precisa urgentemente rever nossas questões. Ele vai lá, confessa que fez tudo isso e segue livre, leve e solto em busca de um advogado. Vai tranquilo. Culpada fica parecendo que é a procuradora, espancada”.

Ana Paula Araújo apareceu e desabafou: “Queria só acrescentar. Na maioria dessas vezes, a vítima que acaba numa prisão. Essa moça que foi agredida, ela está com medo, tem medo de sair da rua, do que pode acontecer, desse homem voltar. É o que acontece na grande maioria dos casos de agressão contra a mulher”, manifestou a âncora.

“As penas são pequenas, quando alguém vai para a cadeia, geralmente sai imediatamente. Muitos desses casos acabam em tragédia, é absurdo demais, revoltante essa história”, resumiu.

publicidade

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Paulo CarvalhoPaulo Carvalho
Paulo Carvalho acompanha o mundo da TV desde 2009. Radialista formado e jornalista por profissão, há cinco anos escreve para sites. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @pcsilvaTV ou pelo email paullocarvalho19@gmail.com.