Juliana Silveira fala sobre reprises e revela que já pensou em desistir da carreira

Juliana Silveira
No ar nas reprises em Laços de Família e Floribella, Juliana Silveira revela que crise de síndrome do pânico quase a fez desistir da carreira (Imagem: Reprodução / Instagram)

Aos 40 anos, completados em março, Juliana Silveira nunca se viu tanto na TV como aconteceu em 2020. Além de Matches, na Warner, e Apocalipse, na Record, a atriz está no ar nas reprises de Floribella (2005), na Band, e Laços de Família (2000), na Globo. 

“Foi realmente uma surpresa, pois estou em casa de quarentena e, como quase todo mundo da área, sem trabalhar como atriz. De repente, começou a surgir uma reprise atrás da outra. Eu adoro assistir. Acho muito fofo rever tudo o que fiz. Não sou crítica comigo mesma. A vida profissional é um processo, e eu sei que em cada um desses trabalhos fiz o melhor que pude no momento”, afirmou ela em entrevista à coluna de Patrícia Kogut, do jornal O Globo.

Já na trama de Manoel Carlos, atual reprise da sessão Vale A Pena Ver de Novo, a artista interpretou Patty, amiga inseparável de Cissa (Julia Feldens). Na época da novela, Juliana tinha 20 anos. Segundo ela, o trabalho foi responsável por dar o norte para outros trabalhos na sua carreira. 

“O que mais me marcou em Laços de família é que eu tinha muitas cenas com o Tony Ramos. Lembro que ficava empolgada por estar trabalhando com ele e também um pouco intimidada. Acho que até hoje eu ficaria tímida atuando ao lado de alguém tão gigante. Essa convivência me marcou demais tanto pela pessoa dele como pelo profissional. Me vi muitas vezes, anos depois, em situações no set pensando: ‘O que o Tony faria?'”, revelou.

Foi após o fim das gravações da novela que Juliana viveu um dos maiores dilemas da profissão e chegou a pensar em desistir de tudo. “Comecei a ter síndrome do pânico”, contou. A doença a fez abandonar a reta final dos testes para viver a protagonista de Presença de Anita (2001).

“No caso de Presença de Anita, achei que não estava preparada para aquele papel, mas era muito difícil abrir mão de uma oportunidade tão bacana. Era uma pressão grande. E, naquela idade, eu acabava dando bastante importância a tudo o que me diziam, sobre o meu corpo ou sobre o que eu deveria fazer para ter sucesso. Depois, no ar, também era todo aquele julgamento. A questão chegou a um ponto que eu realmente pensei em desistir da carreira de atriz”, confessou Juliana, que chegou à cura depois de um ano de tratamento. 

CONTINUE LENDO →

A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com