Gugu Liberato
Gugu Liberato morava com Rose Miriam Di Matteo (Imagem: Reprodução / Arquivo Pessoal)

Não incluída no testamento de Gugu Liberato, a viúva Rose Miriam di Matteo foi atrás dos seus direitos e a Justiça de São Paulo determinou que ela terá direito a uma pensão de R$ 100 mil por mês.

Segundo a colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, a decisão partiu da 9ª Vara da Família e das Sucessões do Foro Central da Capital do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo.

Nela, o juiz ressaltou que o valor é equivalente ao que foi deixado por Gugu para o sustento de sua mãe, Maria do Céu. 

“Satisfaz, ao menos para este momento, a equação possibilidades do alimentante (espólio) e necessidades da alimentada”, declarou juiz José Walter Chacon Cardoso.

Ele levou em consideração “o elevado padrão de vida das partes, que enseja gastos mensais superiores a R$ 700 mil”. O pedido foi feito pelos advogados de Rose Miriam, Nelson Wilians e João Vinícius Manssur.

“A decisão foi sensível ao momento que passa Rose Miriam. Após a morte de Gugu, que era o mantenedor dela e dos filhos, ela ficou sem recursos até para manter as despesas de casa, já que a inventariante do espólio é a irmã de Gugu, que não repassou absolutamente nada para Rose”, declarou Wilians.

Vale lembrar que o relacionamento entre ela e o apresentador já durava duas décadas. Ela é mãe dos seus três filhos, mas não era casada oficialmente com ele e acabou não sendo incluída no testamento que havia sido assinado em 2011. 

A decisão de Rose Miriam em buscar seus direitos afetou diretamente a quantia que seria recebida pelos irmãos e sobrinhos do loiro.

Você está ficando de fora...

Não perca nada!

Saiba tudo o que está em alta no Instagram dos Famosos.

SIGA AGORA