Latino expõe detalhes de caso inusitado com Patrícia Abravanel

Latino
Latino revela caso inusitado com Patrícia Abravanel (Imagem: Reprodução – Record – SBT / Montagem – RD1)

O Vem Pra Cá, do SBT, trouxe à tona uma “revelação” inusitada sobre Patrícia Abravanel. No último bloco do quadro de fofocas, comandado por Gaby Cabrini, ela chamou a atenção ao informar que a filha de Silvio Santos quase abandonou a carreira de apresentadora para se tornar uma bailarina de Latino.

Em clima de brincadeira, quem explicou a história foi o próprio cantor. “Então, vou contar essa história da latinete, mas tem que guardar segredo, tá? Primeiro ela ficou assim: ‘Ai, será? Não sei se vou entrar pra dançar’. Chamei ela. Falei: ‘Patrícia, me apresenta na festa’. Ela foi lá, me apresentou e ficou muito tímida“, iniciou.

No decorrer da festa, quando fui ver, fui brincar com ela de trazê-la para o palco e fazer uma dancinha, e não quis mais sair do palco. Ela ficou o show inteiro dançando e no final estava abraçando as latinetes. ‘Ai, eu quero virar latinete! Eu amo dançar'”, divertiu-se Latino.

E não parou por aí. “Aí falei: ‘Patrícia, tá na hora de eu ir embora’. Ela pediu mais uma, depois mais uma. Quando vi, fiquei uma hora a mais no palco por causa dessa minha querida latinete“. Em seguida, a comandante do matinal justificou: “Não foi bem assim“.

Cabe lembrar que, recentemente, em entrevista ao podcast Papagaia Falante, o artista contou que um dos seus maiores sucessos dos anos 2000, Tô Nem Aí, foi composta em um momento de tristeza pela ex, Kelly Key.

A música é da minha autoria junto com a Luka. Estava sofrendo pra caramba pela Kelly Key naquela época. Tinha me dedicado 100% àquela relação, tomei um pé na bunda. E aí eu parei num bar. Me lembro como se fosse hoje, estava um amigo, o Cristóvão. Eu estava muito mal da cabeça, meio desorientado, parece que o mundo estava desabando, tomando tarja preta”, relembrou.

O Cristóvão me apresentou a Luka, que estava lá se apresentando e eu falei: ‘Caraca, a mulher tem um timbre da Shakira, incrível, vamos tentar desenrolar alguma coisa com ela’. No dia seguinte, fui ao estúdio onde ela estava, e fizemos a música que estourou e foi sucesso em 14 países”, disse.

Elson Barbosa
Jornalista, encantado pelo entretenimento e pela possibilidade de contar e conhecer várias histórias ao mesmo tempo. Está no RD1 como repórter. Pode ser encontrado nas redes sociais no @ellsonbarbosa
Veja mais ›