Luciana Gimenez sai parcialmente vitoriosa de processo contra ex-cabeleireiro

Luciana Gimenez
Luciana Gimenez ganhou parcialmente processo contra Sérgio Di Vicentin, seu ex-cabeleireiro (Imagem: Reprodução / Instagram) 

Após meses de batalha judicial, chegou ao fim o processo que Luciana Gimenez movia contra Sérgio Di Vicentin, seu ex-cabeleireiro. Segundo a coluna de Leo Dias, do Metrópoles, a apresentadora saiu parcialmente vitoriosa da ação.

Na sentença, o juiz declarou que Sérgio não pode mais falar da famosa, sob pena de multa. A decisão foi feita porque o profissional ameaçou expor informações pessoais da contratada da RedeTV!.

“Determinando que o requerido se abstenha de divulgar informações ou imagens de cunho pessoal/íntimo da autora, em qualquer meio de comunicação, sob pena de multa de R$ 10 mil por ato de descumprimento”, escreveu o magistrado.

Apesar de ter conseguido o silêncio do seu ex-cabeleireiro, Luciana não conseguiu a indenização que pediu. De acordo com a publicação, a solicitação dos R$ 10 mil por danos morais não foi aceita pelo juiz.

Na defesa, os advogados da apresentadora afirmaram que ela sofreu danos por causa da divulgação inverídica de que ela não tinha pago os direitos trabalhistas de Vicentin.

Além disso, a ex-modelo tinha pedido que Sérgio arcasse com os custos dos processuais e honorários advocatícios. No entanto, a Justiça negou a solicitação e definiu que ambos dividiriam o valor igualmente.

Para quem não sabe, o cabeleireiro e maquiador trabalhou com Luciana Gimenez por 20 anos. Em 2020, ele foi demitido e soltou o verbo contra a famosa.

Em conversa com o colunista, ele contou que recebia um salário mensal de R$ 10 mil. No entanto, alguns meses antes a apresentadora pediu para que ele assinasse um documento abdicando de todos os direitos trabalhistas que, até então, nunca tinham sido pagos. Após isso, ele passou a ter carteira assinada e receber R$ 8 mil líquidos.

Pouco tempo depois, o profissional foi demitido e a artista deu uma indenização de R$ 30 mil para ele. Sérgio, que assinou o documento que não tem nenhum valor legal, soltou o verbo: “Eu vi ela fazendo isso a vida inteira, com todo mundo, mas jamais imaginei que ela faria isso comigo. 20 anos e receber R$ 30 mil? É piada“.

Da Redação
A Redação do RD1 é composta por especialistas quando o assunto é audiência da TV, novelas, famosos e notícias da TV.  Conta com jornalistas que são referência há mais de 10 anos na repercussão de assuntos televisivos, referenciados e reconhecidos por famosos, profissionais da área e pelo público. Apura e publica diariamente dezenas de notícias consumidas por milhões de pessoas semanalmente. Conheça a equipe.
Veja mais ›