Lucy Ramos vai às lágrimas ao falar sobre infância na favela

Lucy Ramos
Lucy Ramos chorou com homenagem no Domingão (Imagem: Reprodução/ Globo)

Campeã da Dança dos Famosos 2020, Lucy Ramos entrou no Arquivo Confidencial, no Domingão do Faustão, da Globo, de ontem (27). No programa, a atriz se emocionou ao lembrar da infância na favela e falar da família.

A professora da artista durante a infância falou sobre um projeto social na comunidade onde ela foi criada. “Ela acaba sendo um exemplo para todos aqui na comunidade e em outras comunidades. ‘Se ela conseguiu, eu também consigo'”, declarou a ex-professora.

Comovida, Lucy Ramos, então, relembrou os primeiros anos de infância em Recife, no Pernambuco, e os seguintes em São Paulo, para onde foi trazida pela mãe, junto com os dois irmãos.

“Minha mãe, de todas as maneiras, fez tudo para criar a gente da melhor forma possível, mesmo a gente morando na favela, tendo todas aquelas coisas ali que não são boas. A gente não fuma, não bebe, não se droga, tinha tudo contra. A gente nunca se meteu em nada porque ela criou muito bem, do jeitinho dela, com a luta dela“, desabafou ela, emocionada.

Após fala da mãe, a atriz destacou a importância da dedicação da veterana: “Comecei como modelo, fazia as minhas coisas. A minha mãe nunca pode acompanhar, nunca pode aplaudir, sempre fiz tudo muito sozinha”.

“Minha mãe nunca tinha tempo, mas eu entendia porque ela tinha que trabalhar, só dependia dela para cuidar dos três filhos”, acrescentou a famosa.

Fábio AlmeidaFábio Almeida
Fábio Almeida é jornalista, produtor multimídia e um apaixonado pelo que acontece na televisão. É redator e responsável pela coluna "Do Fundo do Baú", publicada às quintas-feiras no RD1, com conteúdos marcantes da história da TV brasileira. Está nas redes sociais no @luizfabio_ca e também pode ser através do email luizfabio@rd1audiencia.com
Veja mais ›