Ludmilla desabafa sobre ataques racistas e confessa: “Doeu muito”

Ludmilla
Ludmilla afirmou que já acionou seu time de advogados (Imagem: Reprodução / Globo)

Alvo de diversos ataques racistas, Ludmilla abriu o coração em uma conversa com o Fantástico.

A cantora, que confessou que não consegue contar quantas vezes já foi vítima do crime, passou pela situação recentemente.

Na entrevista, a funkeira relatou como isso é doloroso.

“As primeiras vezes que aconteceu doeu muito e eu acho que eu não tinha maturidade suficiente nem entendimento suficiente para lidar com a situação. Agora doeu porque dói sempre dói. Mas agora eu estou mais forte”, disse.

“Eu estou mais resistente, eu tenho uma equipe muito melhor perto de mim. A gente já tá em contato com delegado especializado nesse caso de crime racial e a gente vai atrás disso”, garantiu.

De acordo com Ludmilla, ela falou para os advogados e para as pessoas próximas, que fará isso nem que seja a última coisa que faça em sua vida. “Alguém tem que pagar por isso porque é crime“, desabafou.

Ludmilla fala sobre maternidade

Casada com Brunna Gonçalves, a artista abriu o jogo sobre o plano das duas de serem mães.

De acordo com a cantora, essa é a pauta da conversa delas. A famosa apontou que adiaram esse sonho porque entendem que colocar um filho no mundo hoje em dia é uma atitude corajosa.

A ex-BBB entregou que elas estão na fase dos exames e que o bebê será gerado em sua barriga, com o óvulo da esposa.

O que você achou? Siga @rd1oficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui
Carol BittencourtCarol Bittencourt
Brasileira vivendo em Portugal, Caroline Bittencourt é jornalista, pós-graduada em Comunicação e Design Digital. Atua como redatora e produtora de conteúdo para as redes sociais. Colabora com o RD1 desde 2018. Ama viajar, seja chegando em um novo destino ou em frente à TV assistindo uma boa série.