Maju Coutinho
Maju Coutinho apresentou o “Jornal Hoje” aos sábados, entre 2017 e 2019 (Imagem: Divulgação / Globo)

A Globo não tem pressa para definir o substituto de Dony De Nuccio no “Jornal Hoje”. Aliás, substituto?

Esta coluna ouviu de duas fontes do jornalismo da emissora que Maju Coutinho ganhou muitos pontos com a direção depois de sua estreia, no último domingo (4), como apresentadora do “Fantástico”, em substituição a Poliana Abritta, que está de férias.

A informação foi adiantada pela coleguinha Keila Jimenez, do R7, na segunda-feira (5), e confirmada pelo RD1. Maju ainda dará as caras no “Show da Vida” no próximo fim de semana.

Depois, a profissional pode ser anunciada como parceira de Sandra Annenberg na cadeira antes ocupada por Dony, Evaristo Costa, Carlos Nascimento, entre outros. Ela já participou do rodízio do noticiário aos sábados, entre 2017 e 2019, quando foi promovida à plantonista do “Jornal Nacional”.

A Globo avalia muito bem a performance de Maria Júlia Coutinho Portes, 40, primeiro como repórter e depois como “garota do tempo” dos principais jornais até à conquista do posto de âncora. Maju é vista como uma profissional dedicada, talentosa, determinada e uma espécie de curinga, podendo ser utilizada em todas as funções.

Com a eventual ascensão de Maju Coutinho, a Globo pretende contar com duas mulheres, e não um casal, à frente do “JH”. Os bastidores, sempre agitados, já dão como certa essa promoção. Porém, é bom ficar atento ao “segundo pelotão”, agora com chances menores.

Conforme noticiou esta mesma coluna, Rodrigo Bocardi, Cesar Tralli, Márcio Gomes, Marcelo Cosme e Tiago Scheuer tiveram seus nomes ventilados tão logo a saída de Dony De Nuccio foi anunciada na última quinta-feira (8). Ao quinteto, segundo o mestre Flávio Ricco, do UOL, somou-se o repórter Murilo Salviano, muito bem avaliado internamente.

Novidades

A possível promoção de Maju Coutinho, dizem as mesmas fontes, além do talento que o nome carrega, surge para não interromper o curso das coisas.

Rodrigo Bocardi, com a demissão de Dony De Nuccio, tornou-se o sucessor natural de William Bonner no “Jornal Nacional”. Cesar Tralli, por sua vez, deve herdar o “posto” de substituto número 1 de Tadeu Schmidt no “Fantástico”, o que antes cabia ao ex-âncora do “JH”.

Somado a isso está um esforço da direção da Globo de segurar Maju, alvo recente da cobiça da Record e da CNN Brasil. Embora os sinais do novo canal de notícias não tenham sido tão explícitos, a emissora de Edir Macedo ajoelhou e pediu Coutinho em casamento. A Globo age para evitar o “sim”.

Com Maju Coutinho no “JH”, a previsão do tempo dos noticiários da casa ficaria sob a responsabilidade de Eliana Marques, Jacqueline Brazil, Tiago Scheuer e Ana Lottermann, que já desempenham a função.

🔵Boletim RD1 💥 Notícias dos Famosos

COMENTÁRIOS - Interaja Você Também! ⬇

Os comentários aqui não refletem a opinião do site e seus autores. Esta opção de comentário NÃO publica automaticamente nada em seu Facebook, fique tranquilo!